Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

A rainha do DIY

Era sábado de manha e estava farta de ter aquelas madeiras do roupeiro ali encostadas 'as paredes do meu quarto. Os meus flatmates não se levantavam e eu também não queria ter que esperar por eles. Voltei a pegar naquelas instruções quase incompreensíveis e tentei fazer algo com elas. Comecei por separar tudo o que era parafuso e afins para conseguir identifica-los pela foto consoante as quantidades. Pelo final da manha já tinha a estrutura de baixo montada e no domingo passei o dia a fazer o resto.

 

Sem dúvida que me de morou mais do que se tivesse um daqueles manuais passo a passo do IKEA já que houve muito tempo a tentar identificar o que é que era suposto enfiar onde, mas como já tinha montado outra mobília antes acho que isso também ajudou para conseguir identificar como aquilo se faz. A qualidade também não é das melhores mas é OK. Portanto, apesar das instruções reduzidas, até que aconselho quem esteja num budget para comprar mobília recorrer a estas empresas que anunciam no Gumtree. Para quem estiver interessado fico o número de telefone do meu contacto desta empresa - 078 2636 4509 e chama-se Billy.

 

Fica o resultado final:

 

Novo roupeiro

Ultimo episódio de "Friends"

Parece ridículo. A série "Friends" acabou a sua última série em 2004 mas só ontem, 4 anos depois do final da série, e depois de já ter visto enumeras vezes episódios repetidos, é que vi o último episódio de "Friends". Pois eu sei, devo ser uma das poucas pessoas que ainda nao tinha visto o fim da série, mas é um facto.

As últimas imagens, quando o apartamento ficou vazio, fez-me lembrar de duas vezes em particular da minha vida em que também saí de casas onde adorei a experiencia de viver lá, os amigos que por lá passaram, as lembrancas boas que ficaram, e a infelicidade que senti por de lá sair... O fim da série foi assim, tal como muitas vezes acontecimentos nas nossas vidas também sao. Por melhores lembracas que tenhamos, por vezes é preciso mudar e continuar com a vida mesmo que, no fundo, uma parte de nós diga que nao queremos essa mudanca...