Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

As damas-de-honor e a busca do vestido

bridesmaids-movie.jpg

 

Convidei cinco amigas para serem as minhas damas-de-honor para o casamento. Em vez de juntar um grupo de amigas onde todas se conhecessem, preferi convidar um grupo de representantes de diferentes partes da minha vida. Assim sendo, uma é uma amiga de Portugal, que conheci através do meu grupo de dança hip-hop, passávamos muito tempo juntas, introduzimos os respectivos grupos de amigos, e após quase uma década e meia fora do país, ainda é das poucas amigas que tento ver sempre que volto a Portugal. É a representante da minha vida em Portugal.

 

As restantes damas-de-honor conheci já em Londres. Uma é também Portuguesa e conheci-a através do blog, talvez durante o primeiro ano de ‘vida’ do Tuga em Londres :-) Ela também tinha um blog na altura, e um dia, após ler um post que tinha escrito sobre uma festa a que tinha ido em Elephant & Castle, ela escreveu-me a dizer que também vivia ali na zona e a perguntar se quería ir tomar café. Fomos, e ficámos amigas a partir daí. É a representante do meu blog e uma das minhas coneções com Portugal e com a língua Portuguesa aqui em Londres.

 

A terceira, conheci alguns meses mais tarde, num encontro do grupo ‘New Girls in London’ do meetup.com. Acho que esse grupo específico já não existe, mas ainda há muitos outros semelhantes no site. Ela é Francesa e vivia na mesma zona que eu em Clapham. Decidimos voltar a encontrar-nos e ficámos muito amigas desde então. É a representante dos meus dias de festa, viagens, noitadas e afins.

 

A quarta e quinta damas são amigas Inglesas que conheci através do meu grupo de dança de Swing. O nosso grupo era muito regular e todas as quartas à noite nos encontrávamos no mesmo local para dançar e socializar. Aos poucos e poucos, começámos a encontrar-nos para outras ocasiões não relacionadas com a dança e, passados cerca de 6 anos ainda somos muito amigas e vemo-nos frequentemente (muito ocasionalmente ainda vamos dançar). São as minhas representantes da dança e da minha vida no Este de Londres. 

 

Assim está formado o grupinho de amigas que me fazem lembrar tantas partes e momentos diferentes da minha vida e que estou super entusiasmada por terem aceito ser minhas damas-de-honor.

 

Como a minha cor favorita é o amarelo, queria muito que elas se vestissem de amarelo no casamento, mas infelizmente o amarelo não é das cores mais populares para vestidos de damas-de-honor, pelo que tem sido complicado encontrar um de que todas gostem. Felizmente este ano até que a cor amarela está na moda, portanto ainda se encontra alguma coisa pelas lojas, mas não muito.

 

Começámos por experimentar comprar online, mas rapidamente descobrimos que os vestidos que parecem lindíssimos vindos da Ásia, nem sempre têm a qualidade que aparenta nas fotos. Por isso lá tive que fazer umas encomendas e imediatos retornos. O website da Asos até que tem vários vestidos amarelos, mas tentámos fazer a encomenda tarde demais porque já não havia os tamanhos mais comuns disponíveis no site quando fomos tentar encomendar.

 

Então decidimos ir ontem fazer a ronda das lojas em Oxford Street. Para evitar perdermos tempo, eu tinha pesquisado nos websites das lojas, quais as marcas que tinham vestidos amarelos com potencial para ser o nosso vestido de escolha. E foi logo na segunda loja que elas encontraram o seu vestido de escolha, que ficou bem a todas, apesar dos seus estilos de corpo e complexidade de pele serem diferentes. Ainda fomos ver mais umas lojas pelo sim, pelo não, mas não encontrámos mais nenhum de que gostássemos tanto, e portanto ficou o facto resolvido na volta à segunda loja. Acho que nenhuma de nós estava a contar efectivamente encontrar jontem o vestido, muito menos um mesmo vestido de que todas gostassem. Até pensei que teríamos que comprar vestidos diferentes, mas não foi necessário, o que é óptimo!

De vestidos tratados, agora falta ainda tratar de acessórios para cabelos etc., mas isso deverá ser fácil, espero.

 

Entretanto elas agora andam de muitos segredos a preparar a minha Despedida de Solteira, que vai ser já daqui a duas semanas! Só sei que vamos passar o fim-de-semana fora de casa, mas não sei onde. Perguntei-lhes o que eu devia preparar para levar vestido, mas elas disseram que eu não precisava de levar nada, o que me fez ficar um bocado assustada com a ideia de que me devem ir fazer vestir com uma fatiota qualquer. Até estou com um bocado de receio.  A ver…

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.