Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Halloween no Castelo e centros de escalada em Londres

Este fim-de-semana fui à minha primeira festa de Halloween deste ano. O seu intuito principal não era propriamente o Halloween mas sim a celebração do 20º aniversário do The Castle Climbing Centre que, tal como o nome indica, é um centro de escalada, localizado num castelo. É um castelo que foi originalmente construído em 1856 com o intuíto de alojar umas bombas de filtração das águas do resevatório adjacente ao castelo. Alguns anos depois já não tinha qualquer uso, mas a comunidade local não deixou que o edifício fosse destruído e listaram-no como edifício protegido. Só muito mais tarde, já em 1994 é que foi dada a autorização para construção de um centro de escalada lá dentro que abriu em 1995. 

 

Desde então o The Castle, localizado em Green Lanes, entre Manor House e Stoke Newington, tornou-se o centro de escalada mais conhecido de Londres. Não o costumo frequentar, mas como uma conhecida vai todas as semanas ela é que nos falou do 20º aniversário do centro que decorreu este fim-de-semana. E, aproveitando a desculpa do Halloween, os organizadores criaram o ambiente de uma forma muito interessante que se enquadrou muito bem naquele ambiente - uma festa de luzes ultra-violeta à temática Halloween. Ou seja, estava escuro, a maioria das pessoas encontrava-se vestida de cores fluorescentes com temáticas de horros nas suas vestimentas. Foi muito giro o ambiente criado e, depois como as próprias pedras de escalada são pintadas em cores fluorescentes, todas as paredes que nos rodeavam cintilavam a inúmeras cores. 

 

castle_climbing_20_anniversary.JPG

 

Tenho vários amigos que fazem escalada como hobbie e adoram, não só pelo desafio físico, mas também é uma boa forma de formar um grupo novo de amigos neste tipo de hobbie visto que requer muitas vezes que as pessoas se entreajudem na escalada. 

 

Para quem estiver interessado em experimentar escalada, existem vários centros espalhados em diferentes partes de Londres. Os que conheço incluem:

 

Norte

The Castle Climbing Centre - Manor House

The Arch Climbing Wall - Burnt Oak

 

Sul

The Arch Climbing Wall - Bermondsey

Vauxhall Climbing Centre - Vauxhall

 

Este

Mile End Climbing Wall - Mile End

The Reach Climbing Wall - Woolwich

 

Oeste

Urban Ascent - Parsons Green

Westway Climbing - Ladbroke Grove

 

 

Oktoberfest em Londres

Por volta de Maio tinha descoberto que ía haver um grande Oktoberfest em Londres, em semelhança ao tradicional festival de cerveja em Munique. Achei que poderia ser uma boa ideia para festejar o meu aniversário este ano em vez de fazer uma festa em casa e por isso enviei um convite aos meus amigos logo por essa altura. Eu sabia que esse tipo de evento iria ficar esgotado bem antes da data e, por isso mesmo enviei o convite com tanto tempo de antecedência. Um mês antes do evento já estava esgotado e, quando soube disso perguntei quem tinha conseguido comprar bilhetes. Apenas 6 de nós tinhamos comprado a tempo. Pena que mais não tivessem comprado a tempo, mas tudo bem.

 

Comprei a minha fatiota Bavariana e estava entusiasmada com o evento que ía decorrer neste sábado passado, até que recebi as notícias na sexta-feira de que algo tinha corrido mal no dia de abertura do evento, a quinta-feira passada, e como tal, a organização decidiu cancelar todos os futuros eventos. 

 

Houveram vários rumores sobre o cancelamento do evento - uns disseram que se devia à má organização do controlo de multidões, outros disseram que se deveu ao facto de haver muitas pessoas que estavam demasiado bêbedas e foram mal-educadas para o staff que já não queria voltar a trabalhar nos dias seguintes e, como tal, tiveram que cancelar. Eu só tinha comprado os bilhetes básicos de £10, mas houve muitas pessoas que compraram bilhetes de £60 que incluíam bebidas ilimitadas. Houve também grupos que vinham de todas as partes do país e tinham investido em acomodação, férias, etc. para poder vir ao evento, tal como foi o caso do testemunho deste grupo entrevistado:

  

 

Não sei bem qual a razão ao certo, mas o facto é que, se em Munique conseguem organizar um evento daqueles há anos, concerteza não será impossível de conseguir organizar bem um evento do género em Londres também. E tal não é impossível que houve outro Oktoberfest a ser organizado em Londres no mesmo fim-de-semana e acabei por ir a esse como alternativa. Estava com receio que não fosse grande coisa mas até que esteve muito bem organizado, não houve quaisquer problemas e foi muito divertido. Ao menos deu para dar uso à minha vestimenta Bavariana. Ficam algumas fotos desse evento:

 

IMG_5614.JPG

IMG_5629.JPG

 

 

O novo carnaval de Notting Hill é em Brixton

Não sabia bem o que esperar da versão mais pequena do Carnaval de Notting Hill, que era como tinham caracterizado o Brixton Splash, mas essa descrição retratou bem o evento. As ruas que circulam toda a zona do mercado até a praça do cinema Ritzy estavam recheadas com uma multidão que dançava ao som do reggae vinda dos vários palcos de música. A música, decorações, comes e bebes, estavam muito influenciados pelo que é tradicional nas illhas das Caraíbas e, sem dúvida que o ambiente era de alegria e de festa. 

 

O evento já decorre há 10 anos e cada ano tem vindo a crescer consideravelmente consoante amigas minhas que tinham ido noutros anos. A desvantagem, é que ao ter crescido tanto, aquelas ruas já parecem pequenas demais para aguentar a população que vem para os festejos e, em certos momentos era difícil de conseguir atravessar. Penso que, para que o evento continue a ter sucesso, terão que extender o número de ruas envolvidas no evento para que as pessoas se espalhem um pouco mais e o evento se torne mais confortável. Sem dúvida que a confusão me fez relembrar o Carnaval de Notting Hill, por isso acho que já fiquei satisfeita com a minha dose de carnaval por este ano. 

brixtonsplash1.PNG

 A festa no terraço em Coldharbour Lane, tinha a melhor vista para o evento

 

brixtonsplash2.PNG

 Soundsystem na Atlantic Road

 

brixtonsplash3.PNG

 

 

Dia da Camisola de Natal

Se já tiverem passado pelas ruas do centro de Londres hoje, concerteza repararam que há algo diferente, ou melhor, algo semelhante entre muitas pessoas - estão a usar camisolas de Natal. E isto porque hoje é o dia "oficial" da Christmas Jumper Day "patrocinado" pela organização 'Save the Children' com o objectivo de que as pessoas que participem ao levar camisolas de Natal para o trabalho, façam uma doação de dinheiro para esta organização. 

 

Com ou sem a intenção de ajudar esta organização, o facto é que os Britânicos ADORAM camisolas de Natal. Quanto mais exageradas melhor. Há aquelas com sinos cozidos, há as que têm bolas ou narizes de bonecos de neve espetados, há as que têm música de Natal, ou aquelas que têm uma fogueira que tem luzes para fazer o efeito como se a fogueira estivesse acessa. 

 

No meu escritório houve pelo menos uma pessoa a usar uma camisola de Natal todos os dias desta semana, sendo que o auge das camisolas de Natal foi ontem porque tivemos a nossa festa de Natal do escritório e decidimos ir com elas vestidas. 

 

Por acaso não sei se em Portugal também existe este hábito das camisolas de Natal hoje em dia? Quando eu vivia por Lisboa não me lembro que os adultos se divertissem a usar camisolas de Natal, mas aqui sem dúvida é uma das coisas essenciais da diversão Natalícia. Tenho pena de que vou perder uma 'Christmas jumper house party' que vai decorrer mesmo no dia em que eu vou para Lisboa passar o Natal, mas ao menos já me vinguei ao usar a minha grande camisola cor-de-rosa com um esquilo felpudo na neve durante a festa de Natal de ontem 

 

Antes da festa ainda trocamos presentes para o "Secret Santa", em que cada um compra um presente para uma pessoa cujo foi selecionado ao acaso. Como fui a uma loja chamada Tiger que tem tudo e mais alguma coisa a preços baratíssimos, consegui comprar 4 presentes para o meu Secret Santa e aproveitei para comprar o presente em baixo que achei que combinava muito bem com a camisola de Natal dele:

laurie_at_christmas.JPG

 

E fica a moda de outros colegas:

laura_ian_christmas.png

 

 

Festas de Halloween em Londres

O Halloween está novamente a chegar aí, e com ele, vêm muitas festas e eventos. Este ano calha a uma sexta-feira, por isso esperem ver muitas bruxas, fantasmas, zombies e afins pelas ruas nessa noite e na noite de sábado. Se ainda não decidiram como celebrar, aqui ficam algumas ideias:

 

Haunted House Party no Bethnal Green Working Mens Club: As festas neste local são sempre muito boas. Todos se vestem a rigor, não dúvido que os organizadores se vão aprimar nas decorações e concerteza que vai ser uma festa divertida. Bilhetes: Disponíveis na porta a £12 antes das 22h e £15 depois disso. Data: Sexta, 31 Outubro

 

Vaults Raveyard: Por baixo das arcadas da estação de London Bridge, vão encontrar o cenário perfeito para uma festa de Halloween com paredes de tijolo que mais parecem as catacumbas de um castelo. As festas de sexta e de sábado já estão esgotadas mas ainda há bilhetes disponíveis para quinta-feira a £10 em avanço ou £15 para os outros. Data: Sexta, 31 Outubro

 

Spoony's House Masquerade Ball no Jazz Cafe, vai contar com um baile de máscaras ao som do ex-DJ da BBC Radio 1 DJ Spoony-Kicks onde podem contar com UK-Garage, House e Soul. Bilhetes: £11.50. Data: Sexta, 31 Outubro

 

Wuthering Frights a decorrer no Three Compasses em Dalston é uma festa cujo tema da noite é vir vestido à Kate Bush, em referência ao seu famoso single - Wuthering Heights. A melhor máscara recebe um prémio. Entrada é gratuita. Data: Sexta, 31 Outubro

 

Halloween Party on a Boat: Celebram a noite de Halloween como piratas no Tamisa, numa destas populares festas de Halloween num barco. Bilhetes: £30 Data: Sexta, 31 Outubro e Sábado 1 de Novembro

 

A Grimm Halloween Party organizada pelos experts em mixologia Bourne & Hollingsworth vai decorrer no The Grand Hall em Kings Cross. Conta com várias zonas temáticas incluíndo uma casa feita com pão de gengibre, um salão de baile encantado, um caixão em virdo e muito mais. Considerando os organizadores, podem contar com muitos, bons e variados cocktails. Bilhetes: £25 Data: Sábado 1 de Novembro

 

halloween-london.jpg

 

O que fazer em Londres em Dezembro 2013

Dezembro! Ainda parece que foi à tao pouco tempo que estava a celebrar o ano novo, e 2013 já está para acabar. Ao menos o último mês do ano trás sempre bastante actividade para nos animar. Como os Britânicos o chamam, este é o 'mês de festa', tal como se pode provar com a variedade de eventos a decorrer:

 

Mercados de Natal: Espalhados por toda a cidade, não faltam opções onde comprarem presentes para a família enquanto bebem um 'mulled wine' quentinho. Como há tantos envio o link para uma listagem dos principais mercados de Natal de londres publicados no site do VisitLondon.

 

Pistas de patinagem no gelo: Há semelhança dos mercados de Natal, pistas de gelo também é o que não falta. Muitos são anexados a um mercado de Natal mas nem todos. Ficam também o link para a listagem das principais pistas de gelo. Onde quer que vão tentem marcar com antecedência porque os slots dos horários mais populares após o trabalho tendem a ficar cheios rapidamente. 

 

O globo de neve de Lego O que é? Duncan Titmarsh, o único profissional certificado de construções de Lego no Reino Unido, criou uma bola de neve gigantesca com uma representação da cidade de Londres criada com peças de lego. Demorou-lhe 75 para fazer a sua construção. Quando? Até ao dia 22 de Dezembro. Quanto? Gratuito. Onde? Piazza de Convent Garden. Estação? Convent Garden. 

 

A Merry Christmas Cabaret O que é? Vários artistas de musicais do West End vão juntar-se numa noite representando várias canções natalícias. Todos os proveitos vão para a caridade Cancer Research UK. Quando? 12 de Dezembro. Quanto? Bilhetes a partir de £22. Onde? Prince of Wales Theatre. Estação? Picadilly Circus

 

Christmas Spectacular O que é? Um show de Natal que inclui dança e música clássica, ballet, ópra, orquestra. Quando? De 27 a 29 de Dezembro. Quanto? Bilhetes a partir de £14.50. Onde? Royal Albert hall. Estação? High Street Kensington

 

Passagem de ano Festas é o que não falta para o Ano Novo. A Time Out them uma boa lista de indicações que inclui locais para jantar, coisas para fazer, locais para ver os fogos de artifício, festas de passagem de ano e festas diurnas no dia 1 de Janeiro. Vejam todas as sugestões no link indicado.

O rancho folclórico vai à festa

Como todos os anos, este ano vou voltar a celebrar a minha festa de aniversário com uma festa temática. Decidi o tema durante as minhas férias em Portugal na noite antes de voltar para Londres. Na manhã seguinte, falei sobre o tema da festa com os meus pais quando íamos a caminho para o aeroporto - o tema é "round the world", ou seja, os convidados devem vir vestidos com roupas representativas de um país ou região algures no mundo. Escolhi este tema porque, não só é um tema divertido que pode dar asas à imaginação de muitas pessoas, como também é um tema fácil já que existem inúmeras possibilidades. Aliás, muitas pessoas já vão ter algo para vestir de festas anteriores. por exemplo, se já alguma vez foram a uma festa de indíos e cowboys, podem usar isso, ou se foram a uma festa havaiana, podem usar essa roupa; se foram ao October Fest devem ter um lederhosen, etc. Muito fácil! Eu com todo o meu entusiasmo inicial, e talvez por estar em Portugal nessa altura, achei por bem vestir-me para a festa com uma roupa tradicional Portuguesa de rancho folclórico. Mencionei isso com a minha mãe e perguntei se me podia ajudar a arranjar a roupa já que só tinha pensado nisso à última da hora da minha estadia e concerteza não iria conseguir arranjar a roupa facilmente em Londres. A minha mãe achou tudo muito bem e disse que me ajudava. 

 

Entretanto vim para Londres e, assim que pensei melhor no assunto, é claro que desisti logo da ideia de ir vestida ao rancho folclórico. Então eu, a aniversariante, ía-me vestir com aquelas roupas tradicionais de saias compridas, camisas até ao pescoço e lenço na cabeça?!? Devia estar mas era doida! Esqueci essa ideia, e fui encomendar um fato de belly dancer - muito mais sexy e exótico que é sempre mais interessante e ajuda a receber os comentários do "ah estás tão gira e tal", o que faz sempre bem ao ego, principalmente quando se está um ano mais velha!

 

No dia a seguir a ter encomendado o meu fato de belly dancer a minha mãe pergunta-me no skype pela medida da minha saia - "hum??? mas porque é que queres a medida da minha saia?" - pergunto eu. 

- "É para a saia do traje do rancho que estou mesmo a acabar" - diz a minha mãe.

Ups!!! Dessa não estava eu à espera. É que como nunca mais tinha falado no assunto, nem sequer considerei a hipótese da minha mãe ter levado com o meu pedido adiante. Mas claro que, conhecendo a minha mãe, que é a pessoa mais querida que conheço, claro que ela ía fazer-me a saia!! Como é que eu não pensei em dizer-lhe que tinha mudado de ideias em relação à roupa da festa? E mais, é que ela não tinha só a saia Saloia (nome dado às meninas de Sintra) que ela tinha feito à mão. Tinha também comprado uma camisinha Madeirense, um avental de Viana, umas meias daquelas brancas arrendadas e uns brincos de Viana! Tinha tudo! Eu nem sabia bem o que dizer com a surpresa - se sorrir ou se chorar. Mas claro que com toda a dedicação da minha mae em preparar-me este fato do rancho, é que nem pensar eu ir vestida à belly dancer depois disto. É claro que iria usar o traje que a minha mãe me preparou.

 

Vá lá consegui devolver o fato da belly dancer que tinha comprado no ebay. Ainda o cheguei a experimentar e estava a desejar para que me ficasse mal, mas não é que ficava mesmo bem! {#emotions_dlg.nostalgic} 

 

Entretanto chegou ontem o meu traje do rancho no correio. Ao início quando peguei na saia só pensei que era demasiado comprida, mas depois quando experimentei vi que afinal é assim toda rodada, o que vai dar um óptimo efeito se eu dançar alguma música de swing durante a festa (ou de rancho folclórico, dependendo da minha disposição na altura. Hehe!). Mas efectivamente, e felizmente, fica-me bem e agora até que estou toda empolgada de ir vestida com uma roupa tradicional Portuguesa. Entretanto descobri que tenho pelo menos mais uma amiga que também teve a ideia de ir de belly dancer por isso, ao menos vou mais original. De certeza que mais ninguém me vai copiar na ideia do rancho folclórico Português. Hehe!

Não vai ser fácil superar esta festa

Este fim-de-semana fui a uma festa de aniversário que foi daquelas para as quais se ansia que chegue, e durante a noite simplesmente não se quer que acabe nunca. Foram dois amigos do meu grupo de dança que celebraram os seus respectivos 30º aniversários (fazem os dois anos com apenas 1 dia de diferença). Sendo dois, decidiram partilhar os custos e organisar uma festa de arromba - num armazém em Hackney que tinha mesmo só o espaço e um sofá. Não há bar, não há nada. Só mesmo um óptimo espaço para se dançar a noite fora. Melhor ainda, eles contrataram uma banda de swing para ir lá tocar durante as primeiras horas da noite, e o resto foram uns amigos que são DJs amadores que lá foram passar o resto das músicas. 

 

Foi um espectáculo. Transmitiu a sensação de uma house party mas num espaço de discoteca. Tinha o melhor dos dois tipos de festa. O espaço para os dançarinos de Swing andarem por ali a dar-lhe nos passos grandes, sem deixar de ter um ambiente comfortável para se iniciar conversas com quem ainda não se conhece. Foi óptima. Adorei a festa. 

 

Agora com esta é que fiquei a começar a pensar na minha próxima festa de aniversário. Ainda faltam 6 meses (ainda bem), mas como agora vivo numa casa mais pequeno já não vou ter o espaço para as grandes festanças habituais. E depois também queria fazer algo diferente do habitual. Já faço festas temáticas em casa à uns 5 anos por isso agora é tempo de mudar. Nao sou grande fã de fazer a minha festa de anos em bares ou discotecas misturados com tantas outras pessoas por isso acho que seria ideal organizar algo semelhante quanto o que eles fizeram. No entanto também não quero fazer no mesmo sítio. E queria algo um pouco mais pequeno do que o local ondes eles organisaram.  Vou começar na saga da procura do armazém (ou espaço num outro qualquer edifício em que possa fazer uma festa privada). Se alguém tiver alguma ideia de algum local com características semelhantes, por favor indique nos comentários que ficaria muito agradecida.  

Fim de ano em Londres

Para todos aqueles que vão ter a oportunidade de passar a passagem de ano em Londres mas ainda não sabem bem como passar a noite por lá, ficam aqui algumas opções dependendo daquilo que preferirem fazer. O que quer que decidam, aconselha-se a viajarem para o vosso destino com antecedência para evitarem zonas congestionadas nas ruas e metros a abarrotar. Todos os transportes públicos em Londres incluíndo o metro são gratuitos e estão abertos desde as 23:45h de dia 31 às 4:30h de dia 1. Depois voltam ao seu percurso e preço habitual por volta das 5h de dia 1. Para mais informações sobre os transportes ver a brochura informativa da TFL. Aconselho também a comprarem o quanto antes bilhetes para a vossa festa de escolha, caso optem por uma que necessite de compra de bilhetes, para evitarem filas e desilusões de ter bilhetes esgotados na própria noite.

 

Fogos de artifício junto ao Big Ben Oquê? Cerca de 250,000 outras pessoas têm a mesma ideia de ir ver os fogos de artifício do Big Ben todos os anos, portanto se querem lá estar é aconselhado entrarem na zona da Southbank/ Waterloo até às 22:30h no máximo. Depois dessa hora, geralmente é atingida a capacidade da zona e esta é fechada até depois da meia-noite. Para quem não conseguir entrar na zona pode ainda ver os fogos através de um ecrã gigante colocado em Trafalgar Square ou se se afastarem do London Eye e forem mais para o lado da Tate Modern talvez consigam estar com menos multidão à volta, apesar dos fogos também estarem um pouco mais distantes. Quanto? Fogos de artifício são públicos e gratuitos Estação?Waterloo


Ver os fogos enquanto jantam e/ou dançam Oquê? Para quem não quer estar no meio da multidão ao ar-livre, pode pagar para estar comfortavelmente num jantar ou festa num local onde se vejam os fogos de artifício. Entre as opções encontram-se:

  • Founders Arms e o Dogget's Coat and Badge são ambos pubs localizados na Southbank, o primeiro oposto à Tate Modern e o segundo junto à ponte de Blackfriars onde podem ver os fogos de artifício comfortavelmente com vista directa para o rio. O preço para entrar em qualquer um destes pubs é muito provavelmente gratuito. 
  • Oxo Tower, tem um ambiente exclusivo e a música da festa vai ser jazz dos anos 20. O menú é gourmet e a vista, apesar de não ser tão abrangente quanto o SkyBar também é muito boa para a zona norte do rio, St. paul's Cathedral e, claro está, os fogos de artifício. Pacotes disponíveis a partir dos £125.
  • London Sky Bar, localizado no Altitude, no topo da Millbank Tower, o Sky Bar oferece um pacote completo de bebidas incluíndo champagne, jantar, DJ e pequeno-almoço de dia 1 desde as 16h de dia 31 às 6h de dia 1 de Janeiro. Custa £145 comprado adiantado até dia 28 ou £185 depois dessa data. 

Festas em discotecas Oquê? Existe uma variedade enorme de discotecas em Londres com música para todos os gostos. Abaixo indico uma combinação de algumas opções baseada nos diferentes tipos de música:
  • Bass/Electronica/Techno: Beat Dimension NYE num armazém em local secreto a indicar apenas aos que comprarem bilhete. Bilhetes a £20. Faster NYE na discoteca Cable em Bermondsey, promete ter a entrada de ano com os sons mais fortes de Drum&Bass. Bilhetes em avanço a £25. Dollop NYE com o DJ Julio Bashmore a realizar-se no bonito edifício art-deco Troxy em Limehouse. Bilhetes a £40. UKF Bass Culture conta com os DJ headliners Chase & Status e DJ Fresh, mas muitos outros vão estar presentes nesta noite na O2 Academy Brixton. Bilhetes disponíveis a £67.50.  
  • House/Disco: Loft Studios NYE apresenta Guy William's underground disco paradise 45. Localizado em Kensal Green, este é ideal para quem vive mais para Oeste da cidade. Bilhetes a £20. Simian Mobile Disco NYE vai ser no reconhecido bar onde algumas das melhores bandas tocam ao longo do ano, XOYO em Old Street. Bilhetes a £20. Slide and Get Diverted NYE na Brixton Clubhouse. Para além dos famosos beats de Greg Wilson, vai ainda contar com uma Silent Disco a partir da meia-noite no terraço aquecido desta discoteca. Bilhetes disponíveis na noite a £25.
  • Indie/Pop: Propaganda NYE carnival Spectacular no O2 Empire de Sheperd's Bush conta com música de bandas Indie pop, bebidas a preços razoáveis, acrobatas, malabaristas, decoração carnavalesca e a entrada incluí entradas gratuitas para outras festas propaganda durante o mês de Janeiro. Bilhetes a partir de £10. Koko NYE Ball conta com uma banda indie pop seguido de música animada que irá contar com os habituais clássicos Pop. Bilhetes a £15.

Festas temáticas/de máscaras Oquê? existe uma variedade de festas temáticas para celebração do ano novo. Desde as mais dedicadas à palhaçada até às mais formais. Fica aqui também uma pequena selecção do que podem encontrar:
  • Popstarz - Cowboy/girl themed: Com duas salas, uma com música mais Pop desde os anos 60 e o segundo com música indie e Country. A grande temática vai ser "country" e, como tal, todos devem estar vestidos como se estivessem saídos de um filme Western. A festa é em Islington e os bilhetes custam £10. 
  • Twisted Circus: Pensem em circo, comedores de fogo, shows burlescos e bandas ao vivo, e é isso o que vos vai trazer o Proud Camden. Bilhetes a partir de £19 antes da meia-noite e £5 a partir da 1h. 
  • Beauty and the Geek in 1985: Uma noite temática aos anos 80, que vai contar com os clássicos da década. vestuário apropriado ao tema é imprescindívil. Esta festa realisa-se nos 4 Adventure Bar que existem em Londres, em Convent Garden, Clapham Junction, Clapham high Street e East Dulwich. Bilhetes a partir de £20.
  • Secret Agents Ball NYE: Vistam-se como o James Bond para dar a entrada ao novo ano no "The Driver" em King's Cross. Bilhetes custam £25 sem jantar ou £40 com jantar.
  • Festas vintage: Existem várias à escolha incluíndo a Blitz Party onde fui no mês passado e sobre a qual já falei aqui no blog. Irá realizar-se em Shoreditch e os bilhetes custam £40. A Vintage New Year's Eve party no Southbank Centre que pode contar com jantar tem bilhetes à venda a partir das £100.

Noite de comédia Oquê? Para quem não se interessa pelas festas de discotecas e prefere um ambiente alternativo em plena diversão pode optar por ir a uma noite de comédia para celebrar o novo ano. Ficam algumas opções:

  • Angel Comedy localizado no Camden Head pub apresenta novos talentos da comédia na noite de Ano Novo. E o que é melhor? É gratuito!
  • Amused Moose no Soho conta com um line-up de 4 comediantes reconhecidos. Bilhetes custam entre £22.50 e £35.
  • Comedy Carnival no Clapham Grand conta com um dos melhores line-ups de comediantes, segundo a Time Out, que irão actuar das 19h até às 22h e a partir daí a pista abre com DJs a tocar alguns dos melhores clássicos das noites de discoteca até às 4h. Bilhetes a £25.


Festas de ano novo gratuitas Oquê? Sim, é verdade, ainda há alguns sítios onde não se cobra entrada para a festa. Infelizmente não é o caso da maioria, mas ficam aqui algumas sugestões:

  • Black and Gold NYE party: O tema é o preto e o dourado, a música contém os clássicos de festa e, para além da entrada ser gratuita, quem escolher este pub localizado em frente ao Battersea Park para celebrar o novo ano, terá direito a um copo de punch e uma sandes de bacon pelas 00:30h gratuitamente. A festa terá lugar no pub Prince Albert.
  • Casino Empire NYE: Este famoso Casino de Leicester Square terá entrada gratuita e um copo de espumante à entrada oferecido para todos aqueles que optarem pelo Empire para passarem ali a sua passagem de ano. O Empire, para além dos habituais jogos e máquinas, vai ter entretenimento especial durante toda a noite e a sua discoteca estará aberta até às 3h. 
  • Camino NYE Special: Localizado em King's Cross, este reconhecido bar de tapas Espanhol, tem um grande espaço incluíndo um pátio interior agradável, e desta vez irá dar o que prometem ser uma festa de arromba ao som de vários DJs e tipos de música. O que é melhor é que tudo isso é gratuito.
  • NYE @ Mother Bar: O Mother Bar em Shoreditch oferece uma noite de festa gratuita. No entanto, devido à capacidade limitada, os interessados devem ir ao Mother Bar pedir bilhetes para poderem entrar nessa noite. Bilhetes disponíveis já das 20-22h todos os dias até ao dia 31 (se ainda existirem alguns bilhetes no dia, ainda poderão ter sorte de encontrar lugar se chegarem cedo).

Boa escolha para a vossa festa da passagem de ano e um feliz 2013!