Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Índia em Londres e Carnaval em Brighton

Desta vez não fui eu a França mas veiu a França até mim, por assim dizer, já que foi a vez da Celine me visitar em Londres.

Como ela já cá viveu não havia a necessidade de estar a fazer passeios pelos locais turísticos do costume por isso sugeri-lhe irmos visitar o maior templo Indiano fora da Índia aqui mesmo, em Londres. Já estava à imenso tempo para lá passar mas como fica localizado um pouco longe, na zona 3 no Nordoeste de Londres, numa localidade chamada Neasden onde não existe absolutamente mais nada interessante para ver senão o templo, ainda não tinha lá ido. 

Ela também ainda nunca tinha visitado o templo por isso lá nos dirigimos no sábado de manhã  para Neasden. Saindo da estação vira-se à esquerda, depois novamente na primeira à esquerda e a partir daí é seguir as setas indicativas, andando durante 15 minutos até chegar ao templo. Malas, câmaras, sapatos, saias curtas e grandes decotes não são permitidos dentro do templo, mas existe um local específico onde se podem deixar as malas e os sapatos. Sem dúvida que a viagem é um pouco longa mas valeu bem a pena. O templo é muito bonito por fora e por dentro, construído a partir de pedra mármore toda ela desenhada e trabalhada ao pormenor. A única coisa que estranhei no templo foi o próprio altar visto que tinha um aspecto moderno e rodeado de velinhas de diferentes cores e feitios que poderiam ter sido compradas em qualquer supermercado, argolas plásticas tipo pulseiras das crianças de cores flourescentes, e outros pormenores que rodeavam a zona do altar que a mim me pareceram desenquadrados de tudo o resto do templo. Mas aparte do altar moderno, o templo era muito bonito e interessante de visitar. Não pude deixar de prestar atenção também a duas estátuas localizadas na zona principal do templo junto ao altar, cujas expressões faciais pareciam assustadoramente humanas. Infelizmente não era permitido levar câmaras para o interior do templo pelo que me fiquei por algumas fotos do exterior.

 

Templo Hindu em Neasden

 

No domingo foi dia de um passeio pela cidade de Brighton onde por acaso descobrimos que era o dia do Carnaval anual de Brighton. Após um belo almoço tradicional do verão Inglês que consistiu em Fish & Chips acompanhado de Pimm's numa das esplanadas da praia, ainda nos entretemos com o desfile carnivalesco. Acabamos por não ter tempo de visitar o belíssimo palácio ou "pavilhão real" como é conhecido, mas lá ficará para a próxima visita a Brighton. Apesar de não ter estado muito calor, mesmo assim o sol brilhou e esteve quente o suficiente para deixar o meu nariz e testa vermelhos que nem tomates. Nada mau para o meu segundo dia "de praia" do ano

 

A praia de Brighton

 

Carnaval de Brighton

 

Palácio de Brighton

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.