Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Quatro dias em Portugal vistos pelos olhos de uma emigrante

  • É preciso que eu vá para Lisboa para que passem a haver dias de verão em Londres e dias de inverno em Lisboa;
  • Adoro o nova estação do Rossio e a forma como aproveitaram o antigo parque de estacionamento para colocar umas esplanadas agradáveis;
  • A baixa de Lisboa nunca perde o seu encanto;
  • Ao ler as revistas da sala de espera do meu dentista, tipo Caras e afins, apercebi-me de que não conheço 70% das "celebridades" lá mencionadas;
  • A Núria Madruga está muito mais gira hoje em dia do que quando era adolescente;
  • O novo Centro Comercial Dolce Vita é semelhante ao Westfield em Londres na organização dos corredores e nas lojas que lá tem, com a diferença de que me pareceu um pouco pior frequentado;
  • Os centros comerciais brotam como cogumelos - o Fórum Sintra vai ser já o próximo;
  • Ainda não acredito que tenha passado a minha primeira noite em Portugal num Irish pub em cascais onde fui servida por um empregado em Inglês;
  • Não há nada como a comida da mãezinha para uma pessoa se deliciar,... e engordar;
  • como tinha saudades das noites na esplanada do café do Sr. Virgílio;
  • Conduzir por volta da meia-noite em plena Serra de Sintra numa zona sem iluminação, com nevoeiro e a chover com tal força como já não via acontecer à alguns anos, é uma experiência não muito aconselhável;
  • O Bar do Guincho está remodelado por dentro e continua bem agradável, mas é de evitar os shots de leite quente com chocolate e rum aquecido;
  • Mas que raio de moda é essa dos fios grandes e peludos com imensas fitas feitas tipo de lã?!
  • Soube tão bem apanhar o solinho do campo no domingo;
  • Descobri do que é constituído cada ramo da "apanha da espiga" e qual o significado dos seus elementos:
    • três espigas de trigo - para que nunca falte o pão
    • três raminhos de oliveira - para que nunca falte o azeite
    • três videiras - para que nunca falte o vinho
    • três rosmaninhos - para que nunca falte a lenha
    • três flores amarelas (não me lembro do nome) - para que nunca falte o ouro
    • três flores brancas tipo margaridas pequeninas - para que nunca falte a prata
  • Os travesseiros da Piriquita de Sintra continuam divinais;
  • Como me sabe tão bem conduzir sozinha ao som da minha música.

 

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Tuga em Londres 26.05.2009 13:57

    Loool. Ele lá tem as suas razoes. hehe. Fieste bem em aproveitar tanto o tempo passeio por madrid. A ver se lá vou também dar um passeio um dia destes já que ainda só lá estive de passagem. Nunca visitei a cidade a sério. Achas portanto que vale a pena lá ir nao é?
  • Sem imagem de perfil

    Filipa R. 26.05.2009 14:19

    Yup, vale a pena uma visita! Madrid é uma cidade vibrante, tive tb a sorte de poder visitá-la com uma amiga que vive lá mas não é mto difícil orientares-te. Se quiseres ter assim uma ideia do que visitar, posso dar-te algumas dicas tipo Gran Vía, Paseo del Prado, Jardin del Retiro, Atocha Renfe (onde podes visitar o memorial às vítimas do 11 Março e também a estação em si é linda por dentro e por fora), o terraço do Circulo de Bellas Artes (que só está aberto aos fins de semana e dias festivos e de onde tens uma vista fabulosa sobre uma parte da cidade) e tantos outros sítios. Tens edifícios lindos com estátuas no topo, sei lá, gostei de tanta coisa. Há 9 anos que não ia a Madrid mas desta vez é que vi bem a cidade. Obrigatório é usar calçado confortável e ter trocos pra comprar garrafas de água, na 6ª feira estavam mais de 30ºC, Madrid é um "buraco", facilmente alcança temperaturas elevadas. Se quiseres mais dicas, é só dizeres
  • Imagem de perfil

    Tuga em Londres 26.05.2009 17:59

    Obrigada Filipa. Assim que me decidir a marcar a viagem a Madrid já sei a quem vou pedir conselhos :-)
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.