Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Passeio por Putney

Há não muito tempo atrás encontrei um blog de um Português, mais outro Tuga a viver em Londres (agora já lhe perdi o endereço do blog), que tinha feito um post com a sua descrição de um passeio maravilhoso de Putney a Barnes. Conheço ambas as zonas mas nunca percorri o caminho ao longo do rio entre as duas por isso desde que li aquele post fiquei com vontade de fazê-lo. E foi hoje. Quer dizer,... quase que foi hoje, mas não chegou bem a ser.

Tanto eu como o meu flatmate estavamos com vontade de ir passear, principalmente depois da manhã solarenga que estava, daí me ter lembrado de que hoje seria um bom dia para fazer o tal passeio. Principalmente porque esta coisa de ir para o centro da cidade todos os dias torna-se cansativo e, às vezes, simplesmente apetece ir para um sítio mais calmo, mais relaxante, pelo que passear ao longo do rio de Putney a Barnes não podia parecer melhor. Mas claro, como estamos em Londres, o tempo não podia deixar de nos pregar uma partida pelo que mal saímos de casa começou a chover. Hum,... afinal já não era assim tão perfeito para estar a andar ao longo do rio. Ainda pensamos voltar para casa para ver na Time Out que exposições é que estão por aí e irmos antes visitar uma exposição qualquer que, ao menos estariamos abrigados da chuva, mas.. nahh. Não nos estava mesmo nada a apetecer ir para o centro, para o meio da confusão. Decidimos continuar o nosso caminho para Putney de qualquer maneira. Chegando lá, enganamo-nos no caminho para o rio, desatou a chover e na corrida para um pub de abrigo demos com o rio, numa zona um pouco mais atrás do que aquela por onde supostamente deviamos ter iniciado o passeio. 

Depois da chuva lá podemos então dar início ao nosso caminho e, de facto, que belo passeio que é. Aquela zona é mesmo muito agradável e quanto mais caminhava mais me sentia fora da cidade e mais numa zona rural, apesar de ainda estar só na zona 2 e a caminhar para a zona 3 de Londres. As casas pequenas e bonitinhas, os pequenos parques ao longo do caminho, o rio que se tornava mais estreito e as margens mais baixas,...

Bem, mas com os atrasos todos do início da tarde acabamos por só chegar a meio do caminho, com muito terreno ainda por percorrer para chegar até Barnes. Resultado, tivemos que voltar para casa antes de ter conseguido completar o tal percurso que tenho tido tanta curiosidade em percorrer. Mas sem dúvida que vou voltar novamente, se bem que da próxima terá que ser num dia em que não hajam quaisquer probabilidades de chuva e saíndo de casa mais cedo que, afinal o caminho ainda é um pouco longo. Mas pelo menos pelo que vi, sem dúvida que aconselho.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.