Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Longas esperas, homem do norte grita, malas em atraso e, enfim, o SOL!

Férias e SOL!!! Finalmente cheguei! Já há tanto tempo que não sentia o verdadeiro calor! Calor mesmo daquele em que nem se pensa na hipotese de colocar um casaco quando se vai sair de casa, como faço sempre em Londres. Cá estou eu em portugal finalmente depois de uma atribulada viagem ontem. No post anterior que escrevi estava eu ainda no aeroporto de Gatwick por volta das 5 ou 6 da matina à espera das 7h da manhã para ir para o hotel que a Monarch Airlines tinha reservado para todos os passageiros como compensação pelo atraso de 10horas. Quando chegaram as 7h lá fui para o local combinado esperar pelo pessoal da Monarch e à hora certa lá chegaram eles e levaram-nos para a zona onde íamos apanhar o autocarro que, por sinal, apenas se demorou cerca de 45 minutos a ver. Coisa pouca para quem já tinha esperado tanto como nós.

 

Eu lá consegui apanhar o primeiro autocarro, mas mesmo assim, quando cheguei ao hotel, estavam cerca de 30/40 pessoas à minha frente a fazer o check-in que estava a ser realizado por três pessoas. Resultado, cerca de mais 45 minutos lá consegui fazer check-in. Mas durante esses 45 minutos ali na fila à espera claro que as pessoas aborrecidas de esperar começam a socializar umas com as outras. E bastou o senhor que estava à minha frente se ter apercebido que eu e mais um casal atrás eramos portugueses para se virar para trás e começar a mal dizer da fila, e da espera, e do atraso do voo, e que "isto em Gatwick é sempre a mesma coisa. Quando vou pa Heathrow nada disto acontece. E nunca mais viajo Monarch. E isto se eu tivesse ido para o Porto já lá estava. E o que é barato sai caro. E eles mandam-nos para um hotel e fazem assinar um papel que é para nós nos calarmos mas isto são todos uns Bigaristas, gandes Bigaristas é o que eles são todos!!..." E lá continuou o senhor a dizer e desdizar e nós ouviamos e abanamos a cabeça em sinal de afirmação lá de vez em quando colocado um "pois" ou um "é sim", que isto também não valia a pena contradizer nem dar muita conversa que senão também não faziamos mais nada o dia todo. Mesmo assim lá deu para conhecer um pouco da vida do senhor, que quando já não tinha mais nada que se queixar, começou a falar da vida e lá fez com que o tempo passa-se muito mais depressa até chegar a nossa vez de fazer check-in.

 

Depois do pequeno almoço acho que a maioria dos passageiros andaram todos a dormir umas belas horas e depois do almoço lá fomos novamente esperar o autocarro (isto já eram 14:30h) para nos levar de volta ao aeroporto que demorou cerca de 30 minutos a chegar. Nesse tempo lá deu para conversar com mais umas pessoas, saber onde é que os Ingleses iam passar férias, dar-lhes umas dicas sobre os sítios onde ir e visitar etc.

 

Já no autocarro tive a oportunidade de conhecer outros Portugueses que estavam muito ligados à comunidade Portuguesa em Londres e que, apesar dos muitos anos que lá vivem, ainda não sabem falar Inglês. Acho algo mesmo muito estranho e, sinceramente, imagino que não deve ser nada agradável estar a viver num país totalmente àparte de tudo o que se passa no país e apenas viver confiando numa pequena comunidade como se ainda estivessem a viver na aldeia onde nasceram. Enfim, mas cada qual faz aquilo que acha melhor para eles. De qualquer forma, em conversa com eles apercebi-me de que, apesar de estarem ligados à comunidade, não gostam nada de estar envolvidos na mesma. Entre muitas queixas as expressões "os Portugueses em Londres são uma porcaria" e "gente sem cultura" e "não se dê nunca com pessoas da comunidade Portuguesa" foram muito sobressaídas. Bem, eu sabia que muitas pessoas Portuguesas em Londres viviam como se estivessem na aldeia, e sabia que muitos estavam em trabalhos de operários, limpeza, etc. mas não tinha a ideia de negatividade tão grande que estas pessoas que conheci me transmitiram. Bem, mas obviamente eles também devem ter tido más experiências com pessoas da comunidade, mas por outro lado, também já fui a restaurantes/cafés portugueses em zonas tipicamente dedicadas à comunidade Portuguesa e encontrei lá pessoas também muito simpáticas, portanto obviamente isso tudo é relativo, mas claro que pode haver uma maioria com as características descritas por estes outros passageiros do meu voo. Afinal eles já estão na comunidade à anos e eu não conheço ningém da comunidade Portuguesa, portanto lá devem saber mais do que eu nesse aspecto.

 

Chegada ao aeroporto, mais uma hora de atraso e às 17:30h lá partimos finalmente para chegar a Lisboa às 19:40h para esperar pela bagagem mais 1:15h para sair do aeroporto quase às 21horas da noite! Bem, para quem era para chegar a Lisboa às 9h da manhã, sair do aeroporto de Lisboa às 9h da noite nem tá nada mau :-S Bem, que viagem péssima! Ainda por cima o voo para cá foi feito pela White. Muito mau. Pior companhia aérea em que já viagem. Conselho: não viagem White. Serviço é mau, avião um bocado sujo, não gostei.

 

Bem e finalmente cá estou hurrai! E está calor!!!!! Aiii já não sentia calor à tanto tempo!!! Bem já não sentia calor desde o ano passado quando estava cá no verão. Bem mas agora á que aproveitar por isso chegar de estar a escrever no blog e vou mas é sair!!

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.