Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Estagiária nova no activo

Posso ainda não ter encontrado casa mas ao menos o problema de encontrar estagiário para substituir o actual está resolvido. Na semana passada entrevistei os seguintes 3 candidatos:

 

- rapariga, pela minha idade, sem experiência nenhuma e com um MBA mas que não fazia ideia de como trabalhar com uma folha de Excel e que não conhecia sequer os termos de marketing que utilizei. Hummm... Só o facto de ter um MBA e não saber trabalhar com Excel parece-me logo à partida suspeito. Esse foi exactamente o caso do estagiário actual que também já tinha um MBA e pensei que lhe fosse facílimo perceber o que era necessário fazer, mas deu-me grandes dores de cabeça durante os primeiros meses do estágio. Portanto não me deixo enganar mais por isso do MBA. Não quer dizer absolutamente nada, ou pelo menos não no caso dele sem ter experiência profissional significativa. De qualquer forma fazer um MBA sem qualquer experiência de trabalho só à partida não parece a melhor decisão. Assim sendo, esta rapariga ficou logo de parte.

 

- rapariga, acabada de sair da universidade de um merstrado de Marketing Internacional, calma, um pouco introvertida e simpática. Não tinha qualquer experiência de trabalho e parecia também não ter usado muito de Excel na universidade. Tinha acabado de fazer o projecto final de curso onde utilizou certas análises estatísticas e outras actividades que eu própria também fiz no meu projecto final de curso. Polaca com bom nível de Inglês mas não fala nenhuma das línguas que me dava jeito para traduções (Inglês e Francês) e vive em Londres com os pais.

 

- rapaz Espanhol que actualmente vive em Espanha e veiu a Londres por uns poucos dias na tentativa de encontrar algum trabalho para poder residir por cá. Fez-me lembrar muitos dos leitores do blog e amigos meu Portugueses que têm vindo a Londres com as mesmas expectativas e isso fez-me querer ajudá-lo à partida. No entanto pareceu-me que ele não tinha bem noção do que envolvia viver em Londres sozinho sem ter um emprego remunerado e ninguém aqui para o ajudar financeiramente. Estava a contar com uma possível bolsa que podia ou não conseguir. Tinha um curso de contabilidade e nunca tinha trabalhado antes em marketing nem demonstrado qualquer interesse em marketing no seu curriculum apesar de me dizer que estava muito interessado em mudar de ramo. No entanto quando lhe perguntei o que é que ele entendia por marketing a resposta demonstrou que não fazia a mínima ideia do que esperar de um trabalho em marketing. 

 

Resultado, não tive dúvidas que a segunda candidata era sem dúvida a mais apropriada para o lugar. Começou ontem e pareceu aprender rapidamente como fazer a primeira tarefa que lhe dei que geralmente é aquela que os estagiários demoram mais tempo a perceber. Agora só espero é que ela não desista do estágio antes do actual estagiário se ir embora. É que devido à actual falta de espaço no escritório até nos mudarmos para o 3º andar onde vamos ter um escritório maior, tive que a sentar a partilhar mesa com o actual estagiário até ele concluir o estágio daqui a 2 semanas. Ora como eu própria passei alguns meses sentada na secretária ao lado da dele eu bem sei como a experiência de sentir o odor corporal dele pelo fim do dia não é das melhores. Agora como ela vai estar a partilhar a mesma mesa com ele vai ter uma proximidade ainda maior. Um dos meus colegas bem lhe deu a dica de que agora que ele ía partilhar a mesa com uma rapariga toda gira que devia colocar um perfume bom. Mas hoje reparei que ele não foi nada nessa do perfume quando fui ter à mesa deles pelo fim do dia...