Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

A nova casa

Eu sei que ainda só estou aqui à pouco mais de 2 meses, mas sinceramente,... já me apetece mudar {#emotions_dlg.tired}

O apartamento em si não é mau, apesar da falta de carácter que sinto que tem, talvez por ser num prédio com apenas 6 anos. A localização em termos da distância aos transportes e lojas é óptima porque é tudo pertíssimo. Mas talvez seja tudo muito perto demais. 

Há dois meses que não consigo dormir pela manhã a dentro durante o fim-de-semana mesmo que me tenha ido deitar tarde. Isto porque há sempre alguém nas redondezas que ou vem da festa às 6h da manhã a cantarolar e a gritar, ou porque alguém decide começar a discutir cedo (vá-se lá perceber) ou porque o sol entra pelo quarto adentro (a razão pela qual os Britânicos gostam muito de colocar cortinados bejes em vez de escuros transcede-me). Muitas vezes também acordo com o calor (sim, calor) que o apartamento é super quente apesar de nunca termos o aquecimento ligado. Ou seja, as janelas têm que estar abertas durante a noite, o que significa que acordo com tudo o que é barulho de lá de fora. Arghh!!!

 

Mas no meio disto tudo, hoje fiquei mesmo chateada porque ontem à noite os meus vizinhos da frente decidiram fazer uma festa. A festa em si não foi barulhenta, mas qual a minha surpresa ao vêr hoje no corredor em frente ao elevador, uma poça de vomitado! E já eram umas 4h da tarde!! Pior, é que ao voltar agora a casa o gregoriado ainda lá estava! Mas esta gente não tem civismo nenhum? Como é que simplesmente podem deixar aquilo ficar ali??? Se organizaram a festa têm que se responsabilizar pelos actos dos seus convidados. É certo que o prédio tem uma empregado que faz a limpeza regularmente, mas possivelmente não é ao fim-de-semana. Eles estão a pensar deixar aquilo ficar ali até segunda? Claro que fizemos logo queixa à senhoria mas como ela não atendeu o telefone não sei se ouviu ou se quer está interessada no assunto.

 

Só me apetece mudar já amanhã. O problema é para onde?! É que é tão difícil encontrar uma casa decente numa localização decente a preços não muito elevados que só a ideia de ter que recomeçar a pesquisa novamente fico stressada. A situação ideal seria descobrir uma casa através de alguém que tenha quartos para alugar para não ter que andar novamente a perseguir as agências e ver casas durante horários de trabalho. Essa é mesmo a parte mais chata de todas. Quero sair mas ao mesmo tempo não quero procurar algo novo, o que torna as coisas complicadas. Enfim,... a ver vamos.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.