Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Um dia por Peckham

No fim-de-semana passado decidi ir ao Frank's Cafe com umas amigas visto que já estávamos para lá ir à imenso tempo e daqui a pouco encerra com o final do verão, portanto esta seria um dos poucos fins-de-semana que ainda tinhamos livres para poder lá ir. 

 

O Frank's é um dos "sítios da moda" já há uns dois anos por isso queríamos saber o porquê dessa popularidade. É localizado no topo de um parque de automóveis em Peckham estrategicamente localizado que permite uma bela vista sobre a cidade. Também tinhamos ouvido dizer que servia um bom brunch, e foi com a comida em mente que lá fomos no passado domingo de manhã. Afinal de contas, ao conseguirmos descobrir como se chega lá acima (as indicações nāo eram das melhores, tal como era de esperar de um sítio meio 'hiptster' como aquele), verificamos que afinal não servem brunch e só começam a servir comida a partir das 15h. Ora como ainda era por volta do meio-dia não nos íamos começar a enfrascar em cerveja que era o que se vendia por ali àquela hora por isso optámos por tentar descobrir algum café bom para brunch localmente. De qualquer forma, a primeira impressão do Frank's foi muito boa. A vista é excelente, cobrindo o skyline de Londres, desde as Torres do Parlamento às torres de Canary Wharf. O espaço é muito grande, com imensos bancos e mesas. Imagino que fique cheio nos dias solarengos e que seja um local bem animado por isso ficámos com curiosidade para lá voltar num outro dia mais ao final do dia. 

 

Frank's Cafe
Frank's Cafe

 

O local para brunch que encontrámos apresentava muitas boas recomendações online chamado Cafe 67. Faz parte da South London Gallery, portanto um local perfeito para brunch e para visitar a respectiva galeria de arte moderna que, pelo menos, na semana passada tinha algumas instalações bem interessantes.

 

cafe 67
 
Cafe 67

 

A caminho do Cafe 67 ainda vimos um café que também parecia muito bom chamado Peckham Pelican. O ambiente era muito agradável, daquele tipo de cafés ideas para levar o portátil e ficar por lá a tarde toda, como eu gosto. Se fosse localizado a Este de Londres, concerteza que ía lá passar várias vezes. De qualquer forma, o menú de brunch deles não nos pareceu muito apelativo por isso decidimos continuar até ao Cafe 67. 

 

Peckham Pelican
 
The Peckham Pelican

 

Terminado o brunch e como já passavam das 14h e estava um dia tão agradável, voltámos para o Frank's, para aproveitar aquela vista mais um pouco. A meio da tarde, o Frank's já estava com muitas mais pessoas e, o facto das mesas serem compridas, torna o ambiente muito social, visto que é prático começar a falar com outras pessoas que estejam sentadas na mesma mesa. Sem dúvida quero voltar. 

 

A ideia era, após o Frank's, voltarmos para o Este de Londres, mas depois pensando melhor, achámos que, já que ali estávamos, mais valia ir descobrir mais do que aquela zona tem para oferecer. Peckham é uma zona que ainda conta com algum carácter negativo, dado ter sido uma daquelas zonas onde já houve vários problemas com gangs, etc., no entanto, na High Street encontram-se todo o tipo de lojas, com produtos baratos ou ecléticos que dão carácter ao local. Também já há muito que não ouço falar de violência na zona e, sem dúvida que tenho ouvido falar cada vez mais em Peckham como uma boa zona para se sair à noite e com bons bares e restaurantes. É uma daquelas zonas "up and coming" que são um bom local para onde, por exemplo, investir em comprar casa, visto que não dúvido que os preços das casas por ali só venham a aumentar nos próximos anos. Principalmente porque as ruas residenciais fora da high street são muito agradáveis e calmas e portanto apelativas. É só uma questão do comércio local evoluir mais um pouco e a zona vai ganhar imenso valor. 

 

Mas de volta ao passeio, pensámos então em ir dar uma vista de olhos por outro terraço-bar que conseguiamos ver oposto ao Frank's. Esse terraço fica no edifício do Bushy Building, que é um antigo armazém que, hoje em dia é utilizado como discoteca (muito boa por sinal, já pude comprovar) e também tem escritórios, uma igreja aos domingos (descobri nesse dia), estúdios de artistas, etc. Ao chegarmos ao terraço verificámos que este estava vazio porque parece ser apenas utilizado quando há ali sessões de cinema ao ar-livre, já que o espaço está assim organizado. Descobrimos que na cave do Bushy Building abriu também agora à pouco tempo um novo bar/restaurante e loja de discos de nome Rye Wax que está aberto todo o dia e vai ter vários gigs e eventos, assim como pista de dança sendo um potencial bom local para ir sair no inverno. 

 

Era então tempo de andar um pouco e fizemos um longo passeio pelas ruas de Peckham indo parar a East Dulwich, que não fica nada longe e é uma zona extremamente agradável com muitas lojinhas, cafés, bares e pubs muito simpáticos ao longo da rua principal. Acabámos por sair da zona ao final do dia. Um passeio inesperado para quem apenas queria ir tomar brunch ao Frank's Cafe, mas muito simpático. Sabe bem descobrir novos locais fora do nosso dia-a-dia e como Londres tem tantos bairros, há muito por onde escolher para um próximo dia de passeio. 

6 comentários

Comentar post