Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

O top 7 dos desafios a evitar este Janeiro

Ahh, Janeiro, o mês das resoluções que vão mudar a vossa vida, o mês em que os donos de todos os ginásios vão a rir para o banco, o mês do relax e das dietas, o mês em que se diz não ao alcóol e não às gorduras. É um mês cheio de boas intenções e de novas ideias, mas também o mês mais deprimente para colocar em prática todas as restrições que muitos decidem fazer depois dos exageros da quadra Natalícia. Está frio, está tudo sem dinheiro e não se sai muito de casa à noite. Acabaram de reflectir seriamente sobre a vossa vida e o que ainda não conseguiram atingir,... Ora sem dúvida que não podia haver pior mês para se poder deixar de beber e comer coisas boas, não acham!? Pois mas é isso mesmo que os Londrinos adoram fazer no mês de Janeiro. Até existem websites para incentivar todo o tipo de práticas de restrição. Ora fica aqui o meu top das restrições de Janeiro que não deveriam ser tomadas neste mês:

detox.jpg

Dry January: Ou, por outras palavras, o Janeiro seco, sequinho de uma gota de alcoól que seja.

Veganuary: Tornar-se vegan durante Janeiro. nada de carne ou peixe, nada de lacticínios ou outros derivados dos animais.

Joy #StartToday Cleanse: Limpeza interior que vos faz retirar 4 grupos de comida da vossa alimentação para ajudar na perca de peso.

Sugar Detox: Este desintoxica-vos de tudo o que é alimentação que contenha açucar

Alkaline Cleanse: Para fazer uma limpeza dos órgãos ao consumirem apenas sumos, sopas e snacks saudáveis.

Big January Juice Challenge: Dexintoxica-vos de tudo e mais alguma coisa porque a única coisa que são permitidos colocar no corpo é sumo de frutas e verduras.

30 Days of Change: Baseado numa série de exercícios físicos para aumentar a força e a flexibilidade.

 

Querem fazer um detox, uma dieta, um plano de exercício, façam-no, mas não o façam porque é Janeiro, e porque os outros fazem. Façam-no numa altura em que não haja a pressão do início do ano, quando tudo e todos estão a competir numa série de desafios para ver quem resiste mais tempo (ou quem desiste mais tarde). 

Comeco a fraquejar

Já passaram 3 semanas desde que comecei a fazer o meu detox mas ainda faltam mais 3 semanas e meia para acabar e pela primeira vez ontem fiquei mesmo tentada para comer aquilo que nao devo.

De forma geral tenho achado que deixar de consumir tudo o que nao seja saudável até é mais fácil do que estava 'a espera. Pensava que o mais dificil de deixar de consumir seriam mesmo os doces porque eu ADORO doces, no entanto, tem-se verificado que o alcóol tenha sido a mais difícil nao porque me apeteca particularmente mas pelo facto da pressao social 'a minha volta cada vez que saio 'a noite e algumas pessoas insistem sempre para que beba alguma bebida alcoólica, como aqui já falei num post anterior (link acima). Mas mesmo assim, apesar da "pressao" nao fiquei tentada. Acho que me tem sido tao facil fazer este detox também porque tenho feito a maioria das refeicoes em casa e nao tenho saido muito,... até ontem. 

Decidi ir com algum pessoal do trabalho almocar a um restaurante Tailandes. Para o prato principal nao houve problemas já que haviam várias opcoes mais saudáveis, no entanto no fim do almoco servem-nos sobremesas por conta da casa que eram aqueles pequenos doces Turcos que sao uma maravilha espalhados em vários pratinhos na mesa, mesmo ali 'a minha frente. Aiii. Essa custou. Se estou a comer sozinha nem sequer olho para doces mas neste caso serviram-nos aquilo mesmo ali 'a minha frente e eu que até gosto do trincar estaladico daqueles docinhos Turcos. Todos a comerem menos eu e pior ainda, é que ainda sobraram alguns doces logo, tive que me estar a controlar durante todo o tempo que ali fiquei naquela mesa. Bem, mas o desejo passou mal me levantei por isso, menos mal.

'A noite fui jantar com uma amiga antes de irmos ver o filme Vicky Cristina Barcelona ao cinema (muito bom, por acaso) e optámos por um restaurante Chines. Uma vez lá dentro chegamos 'a conclusao que só havia um menu buffett o que nao houve problema porque nao só era um preco em conta como, no meio das inúmeras comidas fritas também haviam lá umas opcoes saudáveis, por isso tudo bem. Vai que no final o empregado chega-se junto a nós e diz - "querem que traga agora o gelado? Está incluido no preco."

Impressionante!!!! Mas porque raio é que quando eu nao estou em detox nunca me calha a ir a um restaurante onde oferecam sobremesas???

Acabado o jantar lá fomos para o cinema onde, como é lógico, tive que passar pela zona das pipocas, e eu sempre que vou ao cinema considero pipocas absolutamente essenciais para a boa visualizacao do filme Bem, desta fez tive que dispender deste meu hábito das pipocas, mas confirma-se que gostei do filme de qualquer maneira.

Consegui ultrapassar as tentacoes de ontem mas esta situacao com os doces Turcos fez-me lembrar de que vou estar rodeada destes doces durante este fim-de-semana já que vou estar em Istambul. Ou seja, vou estar na presenca de imensos doces Turcos de que tanto gosto e ali confeccionados mesmo na origem sem poder prová-los. Uuii, nao sei nao mas acho que nao vai ser nada fácil. Pior ainda, que me lembrei agora - o café Turco!! Eu adoro aquele saborzinho intenso do café Turco que tem mesmo o café insulúvel dentro da chávena a dar-lhe um aroma delicioso. Mas eu escolhi fazer um detox também de cafeína por isso, ora aí está mais outra coisa que me vai custar imenso nao consumir! A ver vamos como é que eu vou lidar com a situacao.

Nota pessoal - Nao voltar a marcar viagens quando estiver a fazer um detox.

Pior que tudo, isto de estar só a pensar em docarias agora deixou-me com fome. Aí o que eu nao dava agora por uma grande bola de berlim cheia de creme e coberta com acucar. Hummm,...