Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Britânicos protestam contra os Portugueses

Ontem, milhares de trabalhadores Britânicos da indústria do gasóleo sairam do seu trabalho, numa sequência de manifestações que se têm vindo a realizar desde a passada quarta-feira, em protesto contra a contratação de cidadãos Portugueses e Italianos para essa indústria.

Os protestos e greve em várias refinarias ao longo do país foram provocados pela decisão da empresa de construção Italiana IREM SpA que iria utilizar nomeadamente empregados de origem Italiana e Portuguesa num projecto de £200milhões a tomar lugar na refinaria da Gasolineira Total em Lindsey, no Nordeste de Inglaterra.

Estes protestos parecem ser influenciados pelo aumento de desemprego significativo no Reino Unido ao longo dos últimos meses que agora se encontra a 6.1% e pelo medo de que a tendência seja para esta situação piorar.

O sindicato representante destes trabalhadores afirma que este protesto não é directamente contra os trabalhadores estrangeiros mas sim contra as empresas estrangeiras a operar no Reino Unido por não utilizarem a força de trabalho local.

 

Quando li sobre esta situação tenho que admitir que ao princípio fiquei um bocado chocada e descontente, mas depois, pensando melhor, acho que não os posso condenar por tal protesto porque afinal já ouvi muitas vezes os Portugueses queixarem-se exactamente pelas mesmas razões relativamente aos trabalhadores provenientes de países da Europa do Leste ou de outras origens que imigraram para Portugal.