Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

O início da pesquisa de novo emprego

Já me candidatei a cerca de 10 empregos, dedicando todo o tempo necessário para cada um deles de forma a fazer as candidaturas o mais personalisadas possível. Também já coloquei o update do meu CV no LinkedIn, no Monster.co.uk, no Simplymarketingjobs.co.uk. Mas ainda me faltam uns sites importantes tais como o CV-Library e o Jobsite.co.uk.

 

É interessante que, agora que fiz o upgrade da minha conta LinkedIn para a Premium porque oferece algumas vantagens para quem está à procura de emprego, vejo também a concorrência que tenho para cada emprego. A conta Premium indica, não só o número total de aplicantes, mas também qual a universidade que a maioria frequentou, e identifica quais os perfils que estão mais adequados a certas ofertas de emprego. Assim sendo, mesmo antes de enviar candidatura consigo ver logo se estou no topo 10% ou no topo 50% dos candidatos, por exemplo. Consigo ver se a concorrência é pouca ou muita e isso ajuda um pouco para me ajudar a decidir se vale a pena dedicar muito tempo a certa candidatura ou se não. Ontem por exemplo candidatei-me a um que indicava as seguintes como as universidades de alguns dos outros candidatos. Afinal o ISCTE está quase ao nível, certo? Só talvez não seja assim tão conhecido por aqui 

linkedin_univs.PNG

 

6 comentários

Comentar post