Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Como fazer um bom CV para conseguir entrevistas em Londres

Cada vez mais me contactam a falar em mudarem-se para Londres e procurar emprego por cá. Alguns de vós até já me enviaram o CV para eu dar uma olhada. Não posso dar feedback a todos, e não pretendo incentivar isso, mas uma coisa notei na grande maioria dos CVs que já me enviaram e, não querendo ofender ninguém, devo dizer que o que encontrei neles em comum é que ou estão mal escritos, mal apresentados ou simplesmente não são bons o suficiente! 

 

Não tens experiência suficiente? Nunca trabalhaste no estrangeiro? Queres mudar de ramo? Isso não tem problema nenhum! Existem empregos para todos os níveis de experiência profissional e um bom CV consegue ultrapassar todas essas fraquezas e leva-vos à fase da entrevista. Fica aqui então um post que pretende dar-vos as regras importantes para poderem escrever um bom CV que os empregadores não ponham de lado por estar mal escrito, formatado ou apresentado. 

 

O template

Primeiro ficam duas notas importantes para erros persistentes:

  • Esqueçam os templates de CVs Europeus. O Reino Unido não se sente parte da Europa e, como tal, por cá não se utilizam templates da União Europeia. 
  • Para a grande maioria de empregos (excepções em moda, etc.) NUNCA coloquem foto no CV. Por cá é considerado descriminação entrevistar uma pessoa com base na sua aparência, e não é bem visto quando os candidatos pensam que isso é adequado. 

 

Template aconselhado: Criei este template que passo a partilhar com vocês. Coloquei notas e comentários em Português e alguns exemplos que podem escrever no CV apresentados em Inglês. Cada um de vocês terá uma experiência completamente diferente do outro por isso achei que seria mais útil apresentar o template desta forma. 

 

cv_template.PNG

 

O conteúdo

Os recrutadores em Londres recebem centenas de aplicações para um anúncio de emprego portanto não vão ter tempo para ler tudo ao detalhe. Como tal, não pensem que, lá porque têm certa experiência relevante escrita pelo meio do CV, os recrutadores vão chegar a ver isso, se não tiver expressamente indicado no topo do CV.

O recrutador olha primeiro para o aspecto do CV em forma geral e lê brevemente em diagonal tentando identificar palavras-chave da experiência que procura. Se ele(a) não conseguir identificar essas palavras-chave nos primeiros segundos, vai fechar a página do vosso CV e passar para o próximo. 

Por isso mesmo, terem o vosso perfil, bem escrito no topo do CV indicando resumidamente a vossa experiência, aquilo em que são bons e o que os distingue como bons profissionais é essencial. Igualmente, adicionarem a secção das "areas of expertise" vai ajudar o recrutador a identificar as palavras-chave de que está à procura. 

Caso se candidatem a empregos um pouco diferentes, convém irem fazendo alterações às palavras chave e perfil do vosso CV consoante os empregos a que se candidatam para colocarem ênfase na experiência ou conhecimentos que tenham que sejam beneficentes para esse emprego. 

 

Dicas:

  • Escrevam o vosso CV de forma sintética mas com o suporte de experiência ou resultados de sucesso que conseguiram alcançar.
  • Verifiquem que a gramática está correcta e que as expressões são utilizadas no Reino Unido. 
  • Em caso de dúvida, escrevam frases mais curtas e mais simples. É preferível terem palavras e frases simples do que arriscarem colocar palavras "caras" ou frases longas que não fazem muito sentido ou não se costumam utilizar no Reino Unido.
  • Se vocês não souberem escrever bem em Inglês é preferível recorrerem aos serviços de escrita de CV por uma agência especializada, tal como o The CV Centre.
  • Mesmo que tenham um bom nível de inglês escrito, aconselho a pedirem uma segunda opinião com amigos, antigos professores de inglês ou outros profissionais que estejam habituados a escrever em inglês para vos darem a sua opinião, antes de enviarem o CV para empregadores. 
  • Não sabem a melhor forma para expressar a vossa experiência? Pesquisem na Internet exemplos deCVs de pessoas Britânicas que têm a vossa experiência profissional e utilizem as mesmas frases e expressões que se apliquem à vossa experiência. Passo a colocar alguns exemplos deCVs que encontrei na Internet. Notem que indico estesCVs para retirarem ideias de conteúdo, mas continuo a aconselhar utilizarem otemplate indicado em cima:

 

 Aconselho também que pesquisem por ideias de mais de um template para terem uma maior diversidade de expressões para escolherem de forma a que estas representem melhor a vossa experiência pessoal. 

 

Uma vez que tiverem o vosso CV completo podem começar por coloca-lo online nos websites de procura de emprego mais conhecidos tais como o CV-Library.co.uk para que os empregadores vos encontrem ao pesquisar por palavras-chave que tenham indicadas no vosso CV.

 

Para informação sobre a procura de emprego, vejam o post "Como encontrar emprego em Londres" e para se prepararem para entrevistas vejam o post "Como ter sucesso numa entrevista de emprego em Londres". 

 

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Tuga em Londres 11.05.2015 14:49

    Ola Luis. nao acho que a idade seja uma dificuldade neste caso. Simplesmente teras 'e que comecar por um trabalho de entrada visto que ainda nao tens experiencia na area, tal como outro recem-licenciado mais jovem. Isso ate pode ir a teu favor, porque seras mais maduro do que uma pessoa de 21 anos e possivelmente, mais responsavel. A area de gestao de empresas 'e muito abrangente por isso tens imensas oportunidades abertas quando comecas a procurar emprego. Convem 'e decidires o ramo que queres seguir para focares o teu CV e carta de apresentacao nesse ramo (financas, banca, seguros, vendas, etc.) Boa sorte
  • Sem imagem de perfil

    Luis Carlos 26.07.2015 00:38

    Obrigado pela resposta.

    Isso é optimo. Fiquei muito mais aliviado. Estou atualmente a acabar igualmente um curso de ingles na International House para tentar fazer o exame IELTS certamente será uma mais valia.

    Falaste sobre decidir o ramo que pretendo seguir. Eu ando ainda um pouco indeciso no que seguir, com a tua experiencia ai na UK, quais os 2/3 ramos que aí no Reino Unido á mais procura por parte das empresas?

    Obrigado
  • Imagem de perfil

    Tuga em Londres 26.07.2015 19:07

    Isso depende mesmo dos teus interesses, mas cursos de business por exemplo tendem a ser generalistas e com muitas oportunidades variadas de emprego após o curso.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.