Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Acomodação grátis em Londres e no Reino Unido

Não, o título do post não está errado, e eu também não estou a oferecer dormida em minha casa para quem quizer fazer uma visita a Londres nem sugerir que vão dormir para debaixo da ponte. Existem efectivamente duas hipóteses que conheço para poderem viver temporariamente não só em Londres e no Reino Unido, mas em várias partes do mundo. Uma das opções será mais confortável que a outra, mas ambas têm a grande vantagem de serem grátis (ou practicamente grátis, no caso da opção mais confortável). 

 

Vou passar então a descrever as opções:

 

Opção 1: Trustedhousesitters - Este website permite que pessoas que vão de férias ou viagens durante certos períodos de tempo encontrem "housesitters", ou seja, pessoas que lhes tomem conta da casa e dos animais (caso tenham animais), enquanto estão ausentes. O conceito é simples - os interessados em ser "housesitters" colocam o seu perfil no site indicando o máximo de informação possível sobre eles, sobre o seu historial, com fotos e vídeos de forma a dar o máximo de informação sobre si que transmita credibilidade para os donos das casas que procuram um housesitter. O site em si, apenas permite fazer a comunicação entre os donos da casa e os "housesitters", sem ter qualquer responsabilidade em termos do "housesitter" escolhido. Por isso mesmo, geralmente os donos das casas irão pedir cópias dos passaportes aos "housesitters" e possivelmente prova de que não têm um registro policial. Geralmente também irão querer conversar com os "housesitters" através do skype, para poderem ter uma melhor noção do carácter das pessoas em questão e comprovar melhor que efectivamente elas são quem dizem ser no perfil. O que permite aos housesitters escolhidos é ficar instalados na casa em questão sem pagarem qualquer tipo de renda, dado que estão a dar o serviço de cuidar da casa e dos animais. O site foi votado como o website do ano de 2013 e já foi referenciado em vários jornais e publicações como um site de confiança.

 

Portanto, ficarão instalados numa casa confortável durante um período de tempo que pode durar desde dias a meses, sendo que algumas dessas casas são mesmo muito boas, e em troca apenas precisam de alimentar e passear os animais e manter a casa limpa e em segurança. Para dar um exemplo acabei de fazer uma pesquisa por Londres e existem imensas casas anunciadas, várias delas a procurar "housesitters" durante o período entre o Natal e o Ano Novo, portanto, sem dúvida uma boa possibilidade para quem quer vir passar férias de Natal a Londres sem os altos custos de acomodação. Também será uma boa opção para casais que pensam vir viver para Londres mas querem primeiro experimentar um pouco da cidade antes de tomar uma decisão de se mudarem ou precisam de um local temporário enquanto procuram algo mais permanente. Dou Londres como exemplo mas também existem no site casas anunciadas em várias partes do mundo. É só procurar e escolher.

 

Como esta é a opção mais confortável, é também a que incorre um pequeno custo, que é o custo de se registrarem no site Trustedhousesitters. Pagam £4.99 por mês, se se comprometerem a pagar os 12 meses em avanço, ou seja £59.88 ao ano, o que, diga-se de passagem, basta ficarem acomodados uma vez em qualquer casa, que esse valor compensa logo em comparação ao valor que pagariam numa pensão ou hotel. Também podem pagar pelos vossos perfis estarem no site só por 6 ou 3 meses se preferirem, mas o valor mensal será obviamente um pouco mais caro. 

 

 

Opção 2: Couchsurfing - Através deste site encontram pessoas que vivem em locais para onde querem viajar, que vos deixam ficar a dormir em casa deles (geralmente no sofá, mas muitos também têm camas extra) sem pagarem nada por isso. Este reconhecido site a nível mundial criou uma grande comunidade de couchsurfers, sendo que alguns viajam pelo mundo apenas considerando ficar acomodados nos sofás de outros. A vantagem para quem permite alojar outros é ter a companhia ocasional ou simplesmente porque também eles próprios costumam fazer couchsurfing e, como tal querem agradecer à comunidade, dando a oportunidade a outros de também ficarem alojados em sua casa. Para terem o direito de ficar alojados com alguém do couchsurfing não é necessário que também permitam que outros fiquem alojados em sua casa, mas será necessário que se ofereçam a encontrar-se com um couchsurfer que visite a vossa localização só para eles terem alguém com quem socializar ou alguém que se disponibilize a passear com eles e dar a conhecer um pouco da cidade/localidade. Isso não quer dizer que alguma vez efectivamente alguém vos contacte a pedir isso, mas é através desse conceito que a comunidade se foi criando. Existem também encontros regulares de couchsurfers em várias cidades que são ambos, uma boa forma das pessoas locais se conhecerem e também uma boa forma dos visitantes se encontrarem com um grupo de pessoas com quem sair (caso calhe estarem na tal localidade numa data em que decorra um dos encontros). Em Londres costumavam fazer encontros semanais. Não sei se ainda assim é, mas imagino que se continuem a encontrar regularmente. 

 

E ficam aqui estas duas opções para viverem gratuitamente em Londres durante algum tempo. Para quem experimentar, agradecia que deixassem um comentário com a vossa experiência para que outros também possam beneficiar do vosso testemunho. 

 

 

9 comentários

Comentar post