Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

A nova praia onde não se pode ir de calções

Um dos meus primeiros passos cada vez que venho a Portugal, e depois de estar com a família, é organizar um encontro entre amigos. Aproveitei então o sábado passado para isso mesmo, principalmente porque é o único sábado à noite em que vou estar cá em Portugal desta vez.  O meu local de eleição para o encontro foi o novo local "da moda" que aparentemente é muito bom e "ah e tal, tens que ir". Ok, se é assim tão bom quanto dizem eu achei por bem seguir o conselho dos amigos e lá decidi combinar o tal encontro no "Urban Beach", o novo espaço do grupo K localizado na zona das docas de Lisboa, próximo do "Meninos do rio" no mesmo local onde era o "Kubo".

Basicamente este novo restaurante/bar/discoteca fica localizado mesmo junto ao rio Tejo e tem uma zona com areia para assemelhar à praia onde estão uns sofás brancos baixinhos bem agradáveis. O conceito sem dúvida que está muito bom e o sucesso é óbvio dado o número de pessoas que lá estavam por volta das 2h da manhã, no entanto, não deixa de ser um bocadinho de "nariz empinado" o que foi óbvio quando lá tentamos entrar e fomos barradíssimos porque um amigo meu estava vestido com uns calções. Ok, só ele é que foi barrado, mas se ele não entra, nós também não entrámos como é óbvio. Ainda por cima nem eram calções tipo de praia, eram umas bermudas até com um certo estilo e tal. Mas nop, nada de calções. Hum,.. então é um bar com conceito de praia e o pessoal não pode entrar de calções? Há aqui qualquer coisa que não bate certo. Quer-se dizer, a ideia era para até talvez sair um bocadinho mais da norma do "dress code" habitual do grupo K, e ser um ambiente um bocadinho mais descontraído. Ou pelo menos pensei eu que fosse. Não digo chegar a extremos tipo boné ou acessórios do género mas umas bermudas??? Qual é o mal nisso? Eu ainda cheguei a entrar para ver se estava lá dentro alguma das outras pessoas que poderiam já lá estar, daí ao menos ter ficado com uma noção do espaço e do ambiente. E sim, gostei da decoração, mas esta coisa de "a política da casa não permite a entrada de calções" é que me chateou um bocado.

Enfim, não fez mal de qualquer forma que a noite foi muito bem passada primeiro na esplanada dos "Meninos do Rio" que é sempre bem agradável, seguida de uma saída ao Lux. Já não ía ao Lux desde o meu último ano de faculdade! Mas a minha impressão é que está quase igual, à excepção da música que nessa noite estava bem melhor do que o que eu me lembrava. Segundo o meu amigo, o tal das Bermudas, que não só entrou no Lux de calções como entrou pela porta VIP em que não se paga entrada, diz que a música continua nos dias normais como era antigamente e que aquela era apenas uma noite ocasional. Bem, tive sorte então com a noite por o Lux ter tido o tal DJ diferente do habitual. 

8 comentários

Comentar post