Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

De volta à estaca zero.

Eu já tinha mencionado que tinha gostado muito de um apartamento que vi em Fulham e que ontem à noite ía lá novamente para conhecer as restantes pessoas da casa. E lá fui. As raparigas eram muito simpáticas e sem dúvida que nos íamos dar bem. Depois deuns dedos de conversa quiz só ir ver o quarto novamente e, quando lá entrei reparei num pormenor muito importante - o quarto era agora bem mais pequeno do que quando o vi na primeira vez tendoem conta que dessa vez as duas grandes janelas estavam abertas deixando a luz do dia entrar o qu fazia com que o quarto parecesse maior. Pois, isso fez-me pensar duas vezes, e passei a noite de ontem e o dia de hoje na dúvida se haveria de aceitar o quarto ou não.  Eu não tinha dado nada a transparecer à rapariga que estava a alugar o quarto que estava a ter dúvidas e combinamos que lhe telefonava no dia seguinte (hoje) para trocarmos detalhes de contas bancárias etc. para eu pagar o depósito.

 

Como eu estava nessa dúvida achei que devia ver mais 2 casas antes de tomar qualquer decisão e, se não encontra-se nada melhor então ficava de certeza com este apartamento em Fulham. De qualquer forma avisei a Stacey durante o dia que ´lhe ía telefonar para falar da casa hoje à noite quando chegasse a casa. Entretanto lá consegui marcar para ver dois apartamentos hoje que, aparentemente pareciam muito bons. O primeiro foi em Parsons Green (uma estação à frente de Fulham) e, de facto, a cozinha e a sala eram tal e qual como nas fotografias com o pequeno problema de que nas fotos não dava para ver o quanto pequeno era o apartamento. Era minúsculo!! E o quarto um dos chamados "box rooms" que de tão pequeno parece que estás dentro de uma caixa. Pior ainda é que ainda era mais caro do que o outro apartamento em Fulham. Ridículo! Claro que nem pensar!

 

Fui ver o próximo, desta vez em Putney East, mas bastante longe da estação que é para começar logo bem. Tinha perguntado especificamente ao telefone se o apartamento ficava num bloco de apartamentos sociais ao que o homem respondeu-me que não. Mentira! Logo menos um ponto a favor. Depois afinal o homem, que deve ter cerca de 40 anos era mesmo a pessoa com quem eu supostamente deveria partilhar o quarto.Era simpático e parecia assim um bocado com o inventor dos cabelos em pé do filme "Regresso ao Futuro". Bem, para ser sincera não estou lá muito virada para partilhar casa com um homem de 40 anos. Aparte disso, não tinha nada negativo a dizer dentro da casa. Quarto grande e espaçoso, tudo limpo e moderno. Mas como só o aspecto da casa nãoé só o que interessa, este apartamento foi mais outro riscado da minha lista.

 

Conclusão, decidi que ía ficar com o apartamento de Fulham. Afinal tem ensuite, é bonito, moderno, tem uma clarabóia, o apartamento é espaçoso, óptimo, estava decidida que ía ficar com o quarto. Ou pelo menos pensava eu que sim.

 

Ora estava eu já na minha rua a chegar a casa quando recebo uma mensagem - "Olá Ana. Infelizmente o quarto já não está disponível. Uma pessoa ligou-me hoje de manhã e pagou-me o depósito de imediato desculpa pela inconveniência e boa sorte com a tua procura. Stacey". Bem, fiquei com um melão! Estava mesmo pasmada com aquela mensagem. Tanta dúvida e quando tinha decidido que queria afinal ela diz-me que já deu o quarto a alguém? Mas nós tinhamos combinado que eu lhe ía telefonar hoje para falarmos do quarto e dos pagamentos. Tipo, tudo bem que as coisas funcionam numa de First Come First Served basis, mas mesmo assim, eu estava primeiro. O mínimo que ela devia ter feito era ao receber esse telefonema, telefonava-me e dizia que tinha outra pessoa interessada por isso ou eu pagava o depósito naquele momento ou perdia o quarto. Aí colocava-me entre a espada e a parede mas pelo menos dava-me a oportunidade de ficar com o quarto já que tinhamos conversado tanto sobre o mesmo e tinhamos combinado que eu lhe telefonava hoje. Mas será que não há respeito nenhum envolvido nas procuras de casa? Bem, ainda estou um bocado estupefacta com isto tudo, mas no final de contas o que isto significa é que... ufff..... voltei à estaca zero.

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    cromossomax 14.02.2008 01:36

    Vou ser sincera contigo: ao nao tomares uma decisao deixas-te que outros a tomassem por ti.
    Eu sei que valores como a palavra e a honestidade te interessam , mas a verdade e' que na historia do "arrendar em Londres" quem manda e' o dinheiro...
    Linda, espero que nao desanimes, e que tenhas aprendido uma grande licao: quando gostares de algo, nao vaciles, mergulha de cabeca...ou melhor, mergulha logo o teu dinheiro...:)
    Um beijinho e boa sorte!
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.