Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Back Street Boys e Hip Hop do lado.

Por ter acabo de responder a um comentário da "nursy" em que lhe estava a fazer a associação a um tipo de máscaras com a música "Everybody rock your Body" dos Back Street Boys, música que eu já não ouvia à anos, mas fez-me apetecer ouvi-los. Bem à tanto tempo que não ouvia Back Street Boys mas sim, admito, eu adorava Back Street Boys quando eu tinha os meus 12 ou 13 anos na altura. Que loucura que havia com os Back Street Boys na altura!

Fui à procura do meu cd dos Back Street Boys (sim, claro que como boa fã tive o 1º cd deles) mas lembrei-me que esse foi um daqueles que como já nunca ouço deixei em Portugal. Lá fui à minha lista de músicas do portátil mas só éncontrei duas músicas deles - "Quit Playing games with my heart" e "I'll never break your heart" que eram as minhas duas músicas favoritas deles. Já comecei a compilar as músicas do portátil bem depois da loucura dos Back Street Boys ter passado por isso já ter chegado a sacar duas músicas já não foi nada mau. Claro que agora estou a fazer uns downloads de Back Street Boys (são downloads perfeitamente legais claro). Impressionante, de repente deu-me aquela coisa para ouvi-los. Eapesar de já não ouvir estas músicas à tantos anos cheguei à conclusão que ainda aas sei de cor, tantas foram as vezes que as tinha ouvido.

Eu até sabia o esquema de dança todo do "Everybody rock your body" e lá me entretia eu com as minhas amigas na sala a ver o video clip, dançar o esquema, rebobinar a cassete de video e voltar a fazer o mesmo outra vez e outra vez. Passavamos tardes divertidissimas.

Acabei de fazer download da música "Incomplete", mas essa não é a mesma coisa. Essa já é mais recente, não me diz muito. As outras é que me faziam sonhar quando eu era míuda. Engraçado olhar para trás e lembrar-me destas coisas. Geralmente não olho muito para trás para qualquer coisa que seja, talvez porque não queira ficar triste por isto ou aquilo que aconteceu bom e que nunca mais vai voltar atrás. Mas é sem dúvida uma boa sensação estar a ouvir aquelas músicas que contam tantas histórias, tantos momentos.

Como eles dizem em Quit playing games with my heart: "Sometimes I wish I could turn back time, impossible as it may seem, but i wish i could, so bad,..."

Bem, mas quando volto a pensar racionalmente, gosto muito de estar no momento que estou e quero é as coisas boas que vão acontecer no futuro.

.....

Bem, mas que post que estou para aqui a escrever cheio de chachada emocional que geralmente é dos tipos de posts que não gosto de ler. Oh mas que hei-de fazer, agora é sobre isso que me apetece escrever, por isso é sobre isso que escrevo.

 

Ok, Austriaco no.2 que tem o quarto junto ao meu está novamente com música alta (relativo ao post "Viver com housemates não é como na série Friends - parte 2"). desta vez está a ouvir hip hop. E´le está a ouvir hip hop?? Mas ele nem sequer gosta de hip hop. Eu é que sou a única pessoa nesta casa que costumo pôr hip hop a tocar ( sim, hoje em dia já não ouço grupos tipo Back Street Boys e não, nunca gostei de outros grupos tais como Excesso. Blargh, não gostava mesmo nada desse grupo, principalmente depois de terem copiado o início da canção dos Back Street Boys - I'll never break your heart". Bem mas já chega de falar neles). Aliás quando eu ouço hip hop assim um cadinho mais alto há lá de vez em quando um comentário desagradável à música hip hop. O Austriaco no.2 geralmente gosta mais daqueles grupos de rock que ninguém conhece ou tipo house music por vezes ou umas cenas assim calmas que também ninguém conhece. Mas hip hop? Nem sabia que ele tinha uma selecção tão grande de músicas de hip hop americano que ele já tá com a música alta à imenso tempo.

 

Agora ouve-se muito por cá é Rihanna, tipo ela teve o single umbrella por mais de seis semanas seguidas agora à pouco tempo. Este ano ainda não tinha havido nenhuma música nos tops durante tantas semanas seguidas. E agora parece que ouve assim uma onda de artisticas Ingleses a entrarem ao mesmo tempo com sucesso e, de repente, só se ouve e fala deles.  São eles, por exemplo Amy Winehouse, Kate Nash, Girls Aloud, Lilly Allen, Scouting for Girls, e tantos outros. Agora não me lembro de muitos nomes, mas alguns são mesmo muito bons e outros são mesmo maus, mas enfim, há sempre de tudo.

 

Ahh, Austriaco no.2 apagou o som. Acho que deve ter ficado um bocado abananado com os meus Back Street Boys e lá decidiu apagar a música dele. Já tenho uma listagem de algumas boas músicas dos BSB mas ainda não consegui sacar a "Everybody rock your body" que foi a que fez começar esta vontade dos ouvir de início, mas enfim, vou continuar a tentar.