Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

A procura da minha 7ª casa em Londres - Parte V

Na sexta-feira por volta da hora de almoço telefona-me o meu flatmate que estava a ver uma casa - "Filipa, a casa é enorme! Os quartos são todos enormes, a cozinha é gigantesca, tem uma sala grande e um jardim também muito giro. Estou a pensar fazer uma oferta." - Força nisso, disse-lhe eu. como já sei que ele costuma ser um bocado exigente no que se refere à qualidade das casas, se ele me estava a parecer assim tão entusiasmado é porque a casa valerá mesmo a pena. 

 

Estranhamente, e apesar da casa ter sido mostrado por uma agência, eles disseram que tinham um acordo com o senhorio em que apenas fariam a introdução da casa, mas que tudo o que era relacionado com o contrato etc. seria tratado directamente com o senhorio. Por isso mesmo, tinhamos que esperar que o senhorio respondesse à nossa oferta por escrito para confirmar que tinhamos a casa e efectivamente podermos ir colocar o depósito. 

 

O senhorio não disso nada durante sexta-feira. 

 

No sábado pensámos ir logo à agência de manhã para meter o depósito para garantir que não mostravam a casa a mais ninguém. Antes de sairmos de casa telefonámos à agente que nos disse que não valia a pena lá irmos visto que, enquanto o senhorio não dissesse nada não poderiamos fazer o depósito. Disso também que assim que conseguisse entrar em contacto com ele nos diria algo. 

 

Passou o dia de sábado e não nos disse mais nada. 

 

No domingo estavam fechados por isso ficou apenas a dúvida a pairar no ar durante todo o dia, e aquela sensação de nervosismo - será que ficamos com a casa? Porque é que ele ainda não disse nada? será que já encontrou outras pessoas? será que está à espera de ofertas mais altas mas mantêm-nos à espera pelo sim, pelo não? Às vezes pode estar de férias e ainda não ter visto a mensagem. Ou pode ter perdido o telemóvel,... é possível. - Todas aquelas dúvidas que geralmente se tem quando se tratam de encontros amorosos e se fica a aguardar o telefonema da outra parte, aplicam-se tal e qual para esta situação também. 

 

Na segunda-feira finalmente tivemos notícias - o senhorio tinha aceite uma oferta mais alta de um grupo de inquilinos que encontrou ele próprio sem auxílio da agência. Nós aindas fizemos uma oferta por cima, mas o senhorio não quiz saber. Mesmo com a nossa oferta, a curto prazo fica-lhe mais barato alugar a pessoas encontradas privadamente do que àquelas que a agencia encontrou. 

 

O meu sonho desse fim-de-semana rapidamente se desmoronou. Falta agora uma semana e 3 dias para ter que fazer a minha mudança.

27 comentários

Comentar post