Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Preencher a papelada para o IRS

Hoje foi o último dia oficial para efectuar o preenchimento dos formulários para apresentação nas Finanças dos ganhos ocorridos no ano financeiro de Abril de 2010 a Abril de 2011. Se alguém se esqueceu de o fazer, está com sorte porque, devido a uma greve dos trabalhadores das Finanças, o prazo foi estendido até ao final desta semana.

 

Relativamente ao preenchimento da papelada para as Finanças, quando estava a ler o Metro hoje, bem que me ri com este artigo/caricatura, por retratar tão bem a forma como eu própria lido com o preenchimento dos mesmos. Até parecia que tinha sido eu a escrever este artigo humorístico. Dizia lá o seguinte:

 

1. Não te preocupes com isso. Ainda tens muito tempo... Ainda tens muito tempo... Ainda tens muito tempo...

2. Tens menos de uma semana. Começa a entrar em pânico

3. Pára de entrar em pânico. Estás apenas a perder tempo. Começa mas é a ir buscar desses recibos todos que tens guardados.

4. Começa a organizar a papelada sistematicamente. Começa a apreciar o trabalho que estás a fazer. Distrai-te ao afiares os lápis/ler livros/dobrar meias.

5. Tenta efectuar o login no website das finanças. Perde o teu número de utilizador. Perde a tua password. Apercebe-te de que vai demorar uma semana até que eles te enviem uma password nova. Entra em pânico novamente.

6. Finalmente acabaste. Carrega no botão de enviar com satisfação. Isto não vai voltar a acontecer no próximo ano. Ou vai?

 

Como me ri ao ler isto! Sensação de Deja vú do ano passado. Este ano não aconteceu o mesmo,... mas quase. Fica a versão original do artigo:

 

How to fill in a tax return
Já agora, antecipando eventuais questões sobre o assunto - nem todos precisam de preencher estes documentos. Para as pessoas que como únicos rendimentos têm o seu salário, não se precisam de preocupar com isto porque o vosso empregador trata de tudo. São as pessoas que ou têm outros rendimentos no Reino Unido ou estrangeiro, trabalham por conta própria ou fizeram trabalhos a contrato sem ser através de agência, etc. é que têm que informar as Finanças de quanto ganharam para poderem pagar os respectivos impostos. Se têm dúvidas se precisam de preencher ou não os respectivos documentos, podem encontrar mais informações através do site do HMRC.

 

Analytics

12 comentários

Comentar post