Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

Londres em caos novamente

Ora e lá os trabalhadores do metropolitano de Londres decidiram fazer nova greve hoje. Ou seja, a viagem de manhã que me costuma demorar 40 minutos, demorou 1 hora e 45 minutos. OK, em parte até foi culpa minha ter demorado assim tanto porque eu bem tinha planeado um percurso mas à última da hora decidi mudar a pensar que tinha encontrado uma melhor opção e o tiro saiu-me pela culatra. Ora eu que já tinha tudo bem planeado de ir de autocarro até Clapham junction, de lá apanhar o comboio para Victoria Station e de lá um autocarro para o trabalho. Na pior das hipóteses, com trânsito, essa viagem iria durar cerca de 1 hora - 1 hora e 15 minutos. Mas estava eu a andar para a paragem do primeiro autocarro quando me lembrei que em Clapham High Street também há uma estação de comboios, e para essa podia ir a pé. Então lá fui toda contente só para verificar, ao lá chegar, que ainda faltava meia hora para o próximo comboio. Ahh pois é!! De Clapham High Street só existem dois comboios por hora e eu tinha acabado de perder um deles. Oh que maravilha!

 

Áquela altura do campeonato também já era tarde para me decidir ir para Clapham Junction visto que o tempo que me ía demorar a esperar por autocarro e chegar a essa estação mais valia ficar ali meia hora à espera. Enfim, com essa história toda cheguei meia hora atrasada ao trabalho. Eu bem que queria ter ficado a trabalhar em casa hoje para evitar estes problemas, mas logo hoje a nossa Vice Presidente decidiu vir dos "States" verificar o ponto de situação das coisas no nosso escritório e fazer as suas reuniões habituais de estratégia para o resto do ano, números atingidos, e blá blá blá,... ou seja, todas aquelas coisas que até têm o seu interesse mas que são uma total perca de tempo do trabalho que efectivamente se tem que fazer. É que é mesmo assim. Estas reuniões estendem-se sempre por muito mais do que aquilo que era suposto e, pior que tudo, obrigam-me a ir para o escritório num dia em que o resto da cidade fica a trabalhar de casa.

 

Resultado, tive que ficar lá mais umas horas a fazer o trabalho que não pude durante o horário normal e ainda tive nova lenga lenga para voltar para casa visto que os metros ainda não estão abertos. A vantagem é que já vim depois da hora de ponta por isso, ao menos não havia muito trânsito e a viagem até se conseguiu fazer em pouco mais de 1 hora.

 

O melhor no meio disto tudo é que aparentemente o metro amanhã volta à normalidade :-)

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.