Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tuga em Londres

A vida de uma Lisboeta recentemente Londrina.

O fim de uma era - Reino Unido fecha as portas à UE

Mal posso acreditar. Chorei ao ler a notícia. O meu Whats App não pára com mensagens entre os meus grupos de amigos a prestar desgosto pela situação. A maior parte são Britânicos que vivem em Londres e, tal como indicado pela maioria dos votantes da zona de Londres, queriam que o Reino Unido ficasse na União Europeia. Alguns dos comentários são:

 

"Crazy. Just woke up, can't sleep. Sad, sad day."

 

"52% of my country men are complete idiots. I'm sorry..."

 

"Farage declaring Independence Day makes me sick in my stomach"

 

"I've been crying this morning. I feel ashamed of our country!!!"

 

"I think London should revolt and become a member of the EU on its own"

 

"I feel ashamed of being British"

 

"The realisation that my daughter will not know us being part of the EU and may know a world with Boris and Donald in power is dawning on me. Am I dreaming?"

 

O Primeiro-Ministro que, neste momento já anunciou que vai denunciar ao cargo disse que não vão haver mudanças imediatas para os Europeus a viver no Reino Unido. A grande maioria dos deputados, que estavam a favor do Sim vão fazer força para que o Reino Unido se mantenha na zona do mercado único que continuaria a permitir aos Europeus livre abertura de movimentos e trabalho no Reino Unido. Mas para já, são tudo estipulações, e ainda vamos ter que ver o que está para vir, as decisões a tomar e, como essas vão afectar todos aqueles que, como eu, são cidadãos Europeus, não Britânicos.

 

Uma coisa não tenho dúvida - o número de aplicações para o Passaporte Britânico vai aumentar significativamente, e a minha vai ser uma delas. Quem me dera que já a tivesse feito. Pergunto-me também se, esse volume de aplicações vai fazer com que seja ainda mais restritivo poder obtê-lo.  

 

uk_out.jpg

 

A saída da Europa está neste momento à frente

Acabei de chegar ao apartamento onde estou a ficar (neste momento estou num festival em Cannes) e, ao chegar, a primeira coisa que quiz fazer foi ligar o meu telemóvel para poder ver os resultados do referendum. Para a minha surpresa, o Não à Europa neste momento está na frente - com 50.5% dos votos contra os 49.5% de pessoas que pretendem continuar na UE. Os resultados ainda não são finais mas isto está a deixar-me nervosa. 

Vá lá Reino Unido - nāo posso querer acreditar que sejam assim tāo xenófobos (o principal argumento que governou a campanha do Não). Vocês não são assim. Não nos deitem esta chapada na cara. 

Uma visita ao passado

Hoje decidi dedicar-me a fazer uma tarefa que tenho andado a adiar à anos! Organizar a papelada que tenho andado a acumular ao longo de todos estes anos desde que estou a viver em Londres. E é impressionante a quantidade de coisas que tinha acumulado - eu guardava mesmo tudo! Tinha todos os extractos bancários mensais até o ano 2014. quando mudei para os extratos online. Tinha o bilhete de todas as minhas viagens de avião durante os primeiros anos que estive em Londres; as cartas dos médicos; papeladas legais que já não têm qualquer validade; todos os contratos de casas e trabalho, e tudo e tudo e tudo. 

 

Decidi que precisava de fazer uma boa limpeza e deitar fora toda a papelada que não viesse a ser necessária, e como tal, olhei para cada papel um a um. Demorou-me mais de 6 horas para rever e organizar tudo, mas enquanto o fiz, a vária papelada ía-me trazendo as mais diversas memórias do meu percurso ao longo destes anos. Deixou-me ficar muito nostálgica, mas por vezes, recordar pequenas coisas em que no dia-a-dia não pensamos, faz bem. Assim, decidi deixar ficar a papelada que traz à memória certos acontecimentos, e deitei fora apenas a papelada mais repetitiva ou que não tinha qualquer referência a um acontecimento específico. 

 

Ao fim das tais 6 horas, tinha dois sacos muito cheios de papelada (alguma dela que me custou um pouco deitar fora, mas teve que ser, porque senão, não conseguiria fazer a limpeza que queria) e as prateleiras mais vazias. Vale a pena, de vez em quando dar uma volta às nossas coisas. Agora ainda tenho mais duas caixas cheinhas, às quais também quero dar um tratamento antes de mudar de casa para não ter que levar tudo tanta coisa. Acho que essas caixas vão ser um pouco mais difíceis porque incluem exactamente coisinhas, objectos, anotamentos, etc., que tenham estado relacionadas com algum evento importante. Guardei-as porque queria ficar com uma recordação desses momentos, mas agora tenho as caixas mais que cheias e raramente lá vou rever as memórias por isso acho que também vão precisar de levar um corte. Talvez esse seja uma ocupação para o próximo fim-de-semana. 

 

IMG_2984.JPG

 

O que fazer em Londres em Junho 2016

fazer-06-16.jpg

 

Este mês decorre o solstício do verão e, em celebração existem inúmeras festas relacionadas com o dia. Seleccionei duas delas que passo a colocar em baixo. Ficam também outros eventos:

 

Soho Create O que é? Festival onde se celebra a criatividade entre as indústrias dos media e artísticas. Quando? De 6 a 10 de Junho. Quanto? Os preços variam muito dependendo do evento. Onde? Vários locais no Soho.

 

Celebração oficial do aniversário a Rainha O que é? Apesar do 90º aniversário da Rainha já ter decorrido no mês passado, o dia oficial da celebração do seu aniversário vai decorrer no fim-de-semana dia 11 de Junho e conta com uma parada de barcos a passar ao longo do Tamisa no centro de Londres a partir das 12;30h). 

 

Field Day O que é? Festival de música com cabeças de cartaz que incluem PJ Harvey e James Blake. Quando? 11 e 12 de Junho. Quanto? £52 por um dia ou £99 pelos dois dias. Onde? Victoria Park.

 

Spitafield's Music Summer Festival O que é? Evento de circo e música num ambiente assustador no cemitério de Tower Hamlets Quando? 16-29 de June. Quanto? £20. Onde? Tower Hamlets Cemetery. 

 

Open Gardens O que é? Durante um fim-de-semana os jardins privados mais bonitos de Londres vão estar de portas abertas para receber visitantes. Quando? 18 e 19 de Junho. Quanto? £12.  Onde? Pela cidade de Londres. 

 

Celebrações do Solstício de Verão no Terraço O que é? Em celebração do início do verão, esta festa vai decorrer todo o dia no fim-de-semana anterior ao solstício e conta com DJs, pinturas de cara, algodão doce, brincadeiras e outras actividades. Quando? 18 de Junho. Quanto? £20. Onde? Studio 338 em Greenwich.

 

Dia do Referendo O que é? Este só será um evento para aqueles que tiverem passaporte Britânico e poderem participar na decisão se o Reino Unido deve ficar ou não a fazer parte da União Europeia. Quem fôr, não se esqueça de votar. Este será um voto decisivo muito importante que pode alterar significativamente o Reino Unido tal como o conhecemos hoje em dia. Quando? 23 de Junho . 

 

Celebrações do Midsummer Night Suecas O que é? O dia do início do verão é uma data muito importante no calendário Sueco, e como tal, a comunidade Sueca organiza um evento à semelhança em Londres, com actividades no parque durante o dia e uma after party à noite. Quando? 25 de Junho. Quanto? £33. Onde? Broadway House, Fulham.

 

Passeios em Londres: Lee Valley

Hoje estava um dia lindíssimo por isso aproveitei para ir visitar uma parte de Londres, por onde já tinha passado várias vezes e visto que tinha aparência de ser uma zona interessante para passear, mas onde ainda nunca tinha estado - o Lea Valley. 

 

O Lee Valley  é muito extenso e vai desde Londres até Essex e Hertfordshire. Hoje fui para a zona do Lee Valey que fica junto a Clapton, a Nordeste de Londres, na zona 3 do metro de Londres (se bem que não há estações de metro ali perto). Apesar de ainda ser relativamente central a Londres, faz-nos sentir como se tivessemos no campo porque é estendido por kilómetros de arvoredo, o rio, canais e parques. 

 

Existe um site dedicado ao Lee Valey, que incluí vários passeios, e foi lá que também encontrei o de hoje. Optei por um de 5 Milhas (= 8 kilómetros) que começou na junção do Lea River com a Lea Bridge Road. De lá, andei ao longo do Rio Lea até chegar a Springfield Park, dei a volta e passeio por um reservatório natural mais a norte, andando até Hackney Marshes, e voltando depois pelo lado sul do rio de volta até Lea Bridge Road. O passeio escolhido era chamado 'Filtering Back in Time', e devo dizer que vale mesmo muito a pena. Por isso para quem apetece dar um passeio na natureza mas que não queira ir para muito longe, esta é uma óptima opção. O caminho percorrido tem uma combinação de zonas selvagens e outras cuidadas, amplos campos, percursos históricos e passam até por esculturas de artistas também.

 

Para chegarem lá, o caminho mais fácil será irem de comboio até à estação de Clapton, Hackney Downs ou Hackney Central e a partir daí apanharem um autocarro que vá para Lea Bridge Road. Ficam algumas fotos do passeio:

 

leevalley3.JPG

leevalley1.JPG

leevalley2.JPG

leevalley4.JPG

 

Primeiros passos para a casa devagar devagarinho

A minha vida este verão está totalmente definida por esta situação da casa. Então primeiro era para a casa estar pronta lá para Maio ou Junho. Depois atrasou para Julho ou Agosto. Entretanto tenho cancelado eventos e férias, inclusívie as minhas férias habituais para Portugal porque não sei quando me podem dar o aviso de que a casa vai estar pronta e, nesse caso, terei apenas 10 dias para me mudar. Mas agora a última é que afinal a casa já esteja pronta para finais de Junho. Até agora estava assim mais relaxada, mas agora que me disseram que talvez seja para Junho fico logo mais nervosa a pensar em todas as coisas de que tenho que tratar para a mudança e ainda não fiz nada.

 

Eu queria aproveitar as noites para ir decidindo coisas como decoração, organizar coisas que tenho aqui em casa e que não quero levar, etc. Mas ao fim de tudo, ainda não fiz quase nada, e tenho receio de ir deixando o tempo passar e, de repente, tenho que me mudar. Esta coisa de se chegar tarde a casa do trabalho não ajuda. E não ajuda também estar de fora este fim-de-semana prolongado que temos aqui em frente. Mas dos poucos preparativos que fiz, o que comecei foi um Pinterest Board com ideias de decoração de que gosto. Ainda só tenho 14 fotos, maioritariamente de sofás porque aparentemente demora imenso tempo (meses) a receber um a partir do momento em que se faz a encomenda por isso convém eu ter algo decidido assim que receber o aviso da casa para poder encomendar, senão fico meses a sentar-me no chão. 

 

 

Alguém tem sugestões de como decorar uma sala com uma disposição rectangular, com a cozinha em open plan a um fundo e as janelas e varanda do lado oposto do rectângulo? Isto de ser uma disposição rectangular estreita, está-me a fazer achar que vai ser mais difícil do que pensava poder lá colocar as coisas que queria. Era bom que houvesse um site de decoração que desse ideias baseadas na disposição das casas, mas pelo menos até agora ainda não encontrei nenhum que fornecesse esse serviço. Se algum dos leitores conhecer um site desses por favor indique. 

Despedida de Solteira em Liverpool

Vou a um casamento em Junho de uma amiga que é originária de Liverpool e, como tal, ela optou por celebrar a despedida de soleira na sua cidade Natal. Neste caso ela optou não só por fazer uma despedida de solteira (= hen do) mas uma 'hag do' que, basicamente é uma 'hen' e 'stag' (= despedida de solteiro) em conjunto. Ou seja, fomos tanto as amigas da noiva como os amigos do noivo para Liverpool, mas ficámos em apartamentos diferentes, e tivemos a maior parte do tempo separados, excepto à noite quando o noivo e amigos vieram ter à mesma discoteca onde nós estávamos.

 

Devo dizer que foi uma despedida de solteira muito divertida. Fomos no sábado de manhã, e quando chegámos ao apartamento ficámos todas entusiasmadas porque o apartamento era um espéctaculo! Ficámos numa penthouse com dois andares e terraço com uma decoração ultra moderna, umas janelas gigantes e estáva um prosecco fresquinho e cupcakes à nossa espera quando chegámos.

 

 

IMG_2126 (1).JPG

IMG_2132.JPG

Durante a tarde fomos para o  terraço pintar um tecido com as palavras 'Just Married' a ser colocado nas traseiras do barco que nos vai levar da zona da igreja à zona da boda. E depois passámos o resto da tarde a embonecrar-nos. Até veiu uma artista de maquiagem profissional que nos veio fazer a maquiagem ao estilo de Liverpool lá a casa, para estarmos bem enquadradas na noite. Para quem não sabe, Liverpool é uma das cidades reconhecidas pelas suas noitadas em que o pessoal se prepara mesmo à séria para sair à noite, inclusivie as raparigas tendem a colocar uma quantidade de maquiagem exagerada, e vestem vestidos o mais justo e curtos possível. Então, como não podia deixar de ser, nós preparámo-nos a rigor para estar bem integradas na noite de Liverpool. Assim o fizemos e devo dizer que foi uma noite muito divertida. A discoteca onde fomos estava ao rubro assim que chegámos, por volta das 23h e só saímos mesmo quando fecharam a discoteca. 

 

No dia seguinte, o ambiente era bem mais calmo já que algumas estavam com um pouco de dôr de cabeça, inevitavelmente, mas ainda fomos a um bar num terraço com uma vista gira para o rio, seguido de um afternoon tea. 

 

Sem dúvida um fim-de-semana bem passado e, acho que todas ficámos positivamente impressionandas com Liverpool. 

Passeios guiados em Londres e Berlim

Na semana passada estive em Berlim. Tinha uma conferência durante a semana por isso aproveitei e fui logo no sábado para fazer um pouco de turismo durante o fim-de-semana. No primeiro dia andei de um lado para o outro e fiquei um pouco frustrada porque fartei-me de andar e vi apenas uma pequena parte de Kreuzberg. Eu sabia que a zona tem muitos locais interessantes, mas o que me apercebi é que, sem saber ao certo do que estou à procura, é muito difícil conseguir identificar os tais locais. 

 

Então no domingo, optei por fazer um passeio guiado que, por um lado, pensei ao início que talvez fosse um pouco turístico demais, mas afinal adorei e foi a melhor decisão que tomei. Visitei e fiquei a conhecer coisas que de outra forma não saberia. Foi um passeio intitulado "Berlim Moderno" onde nos levaram a ver as zonas mais interessantes com arte de rua, falaram-nos sobre os artistas e a história da zona, fiquei a saber muito mais sobre Berlim e alguns factos interessantes dos quais não fazia ideia. 

 

Isso fez-me pesquisar por opções de passeios guiados por Londres que imagino que também venham a ser igualmente úteis para quem passe por Londres em turismo ou que viva cá e queira ver uma nova perspectiva da cidade. 

 

Encontrei uma companhia que faz passeios variados em Português por ter sido fundada por um Brasileiro. São os passeios do Guri em Londres e têm óptimas reviews no TripAdvisor. As opções de passeios incluem:

 

- Pub Crawl Histórico: Passam por 15 pubs, parando em quatro deles (ou cinco, no inverno) pra beber, olhar o pub por dentro e conversar. A diferença é que mistura muita história desde o Grande Incêndio até a Segunda Guerra Mundial.
* Terças às 17h
 
- Let's Rock!: O tour do rock britânico! Passam por locais relacionados com a história do rock britânico nos bairros do Soho e Camden Town e um pouco de Covent Garden. É mais voltado para a década de 60, mas também fala sobre bandas mais recentes como Oasis e Amy Winehouse. 
* Quintas às 17h
 
- Beatles Tour: Quem pensa que Londres não tem muita história do quarteto de Liverpool está enganado. A banda mudou-se pra Londres por volta de 1964/65 e existem muitos locais em Londres que ficaram marcados na história com a presença dos Beatles. 
* Segundas às 13h
 
​- Harry Potter Tour: ​Neste passeio fala-se de locais que inspiraram a autora a escrever a série, passa-se por locais onde foram efetuadas filmagens e por vários pontos de interesse turístico pelo caminho.
* Segudas às 10h.
 
Os tours acontecem semanalmente e o bilhete inclui 1 passeio para o titular da reserva e acompanhante isento de taxa de reserva e inscrição;
 
​Não inclui transporte até o ponto de encontro nem deslocamento durante o passeio (necessário no "Beatles tour" e no "Let's Rock!").
 
Para mais informação, identificar quais os passeios que vão decorrer no vosso dia de preferência, e reservarem bilhetes selecionem a data neste calendário .
 
 

DSC_1677.JPG

 

 

O que fazer em Londres em Maio 2016

fazer-05-16.jpg

 

Começou a primavera! Bem sei que já tinha começado oficialmente à algum tempo mas finalmente se está a sentir no ar. Começa aquela fase do ano em que todos adoram estar o maior tempo possível na rua, quando os beer gardens e os roof gardens estão à pinha e quando começam os muitos eventos outdoor e festivais de verão. Então fica aqui uma listagem que achei interessante de actividades a fazer este mês:

 

Dia de Eleições para a Câmara Municipal de Londres e Juntas de Freguesia O que é? Se vivem em Londres e são cidadãos da união Europeia têm direito a votar nas eleições para a câmara municipal. Tinham que se ter registado antecipadamente para poderem se inscrever. Quando? 5 de Maio. 

 

Street feast O que é? A partir deste mês os diferentes mercados do Street Feast já estão todos abertos. Quando? Datas de encerramento variam mas acho que todos ficam durante o verão. Estou na dúvida quanto à Hawker House em Canada Water por ser coberto mas não encontro informação sobre possivel data de encerramento. Quanto? Gratuito antes de certa hora (geralmente 19h) e pagam-se depois mas preços variam dependendo da localização. Onde? Dalston, Shoreditch, Lewisham e Canada Water. 

 

Carnaby Style Night O que é? As ruas de Carnaby Street enchem-se de pessoas e animação com este evento regular que oferece a oportunidade de fazer compras até tarde e com 20% de desconto nas lojas. Quando? 5 de Maio. Quanto? Para obterem o descontot de 20% têm que fazer o download do voucher online. Onde? Carnaby Street, Soho.

 

Peckham Rye Music Festival O que é? Festival de música maioritariamente electrónica a decorrer em vários estabelecimentos em Peckham. Quando? De 13 a 15 de Maio. Quanto? £35-£45.Onde? Peckham. 

 

Regents Park Open Air Theatre O que é? Apresentações de teatro num anfiteatro ao ar-livre em Regents Park. Quando? De 13 de Maio a 17 de Setembro. Quanto? Cerca de £20 por pessoa.Onde? Regents Park. 

 

London Wine Week O que é? Durante uma semana vão haver eventos de provas de vinhos e oportunidade de provar vinhos muito bons a preços descontados. Compram uma bracelete por £10 que vos dá a oportundade de entrar em todos os eventos durante a semana e, segundo o website, o Wines of Portugal também vai estar presente. Quando? De 23 a 29 de Maio. Quanto? £10 pela bracelete mas terão que pagar pelos vinhos.  Onde? Pela cidade de Londres.